Browse By

O Que o Seu E-commerce Precisa se Atentar Para 2021?

O e-commerce, ou comércio eletrônico, é uma modalidade de negócio que só tende a crescer. Inclusive, durante o ano de 2020, as lojas virtuais tiveram um amplo crescimento, muito por conta da pandemia da Covid-19, que exigiu medidas de isolamento social.

 

Para termos uma ideia, o e-commerce brasileiro registrou um crescimento de 47% no primeiro semestre, tendo a maior alta em 20 anos, de acordo com dados da 42a edição do Webshoppers, elaborado pela Ebit|Nielsen.

 

O faturamento em 2020 registrou um aumento de 39% no número de pedidos, com mais de 90,8 milhões, em comparação ao mesmo período em 2019.

 

Além do número de pedidos e vendas, o valor médio desembolsado para as compras online dos brasileiros cresceu 6%, passando de R$ 404 para R$ 427.

 

O Que o Seu E-commerce Precisa se Atentar Para 2021?

Foto de Karolina Grabowska no Pexels

 

No artigo de hoje, saiba no que o seu e-commerce precisa se atentar para 2021 e conheça as principais tendências no comércio eletrônico. Acompanhe a leitura!

 

1 – Maior Interatividade Com os Usuários

Compartilhar conteúdo interativo com o seu cliente é uma das maiores tendências do mercado digital em 2021. Isso porque esse tipo de material oferece uma sensação de pertencimento ao seu negócio, com grande capacidade de engajamento.

 

Por exemplo, uma loja de material de construção pode produzir um vídeo animado para promover interação com os usuários, ou até mesmo um game. As possibilidades são diversas e dá para criar conteúdos de grande valor para a audiência.

 

2 – Personalização dos Conteúdos

Hoje em dia, as pessoas desejam se deparar com conteúdos mais personalizados. Afinal de contas, o público já está saturado de publicidade invasiva e sensacionalista.

 

Ou seja, quando alguém pesquisa por auto peças de moto, por exemplo, a intenção é descobrir informações relevantes e, ao mesmo tempo, um conteúdo personalizado, que atenda aos seus interesses.

 

Além do mais, muitas empresas pequenas já são capazes de analisar dados. Inclusive, elas podem acessar diversos tipos de serviços, para entender o que o seu público deseja comprar com o seu negócio.

 

Com isso, gera-se uma experiência hiper personalizada ao cliente, tendo como base os hábitos de consumo e as preferências do público.

 

Assim, até mesmo na elaboração de um banner de loja dá para pensar em um conteúdo estratégico e de acordo com as características da audiência.

 

3 – Gestão e Armazenamento em Nuvem

O ano de 2020 trouxe diversas mudanças, incluindo a expansão do trabalho remoto para muitos empreendedores. Assim, sem a necessidade de um local fixo para gerir o negócio, a organização dos negócios se torna muito mais prática e simples.

 

Com um sistema de gestão e armazenamento em nuvem, é possível acessar os dados da sua empresa em qualquer lugar e tempo, sendo necessário apenas ter um dispositivo, como notebook ou smartphone, além de conexão com a internet.

 

Por exemplo, é possível ter acesso às informações dos clientes que compraram o serviço de aluguel de som e iluminação, ou até mesmo o controle financeiro da sua empresa.

 

Vale dizer que a gestão e o armazenamento em nuvem são muito mais seguros. Afinal de contas, somente pessoas com acesso liberado podem verificar as informações, o que evita a perda ou extravio dos dados.

 

4 – Diversas Opções de Pagamento

Com a ajuda dos e-commerces, as pessoas puderam comprar inúmeros produtos em países diferentes. Dessa forma, os métodos de pagamento também se flexibilizaram e, por esse motivo, os comércios precisam oferecer opções aos seus clientes.

Sendo assim, algumas opções de pagamento são:

  • Boleto bancário;
  • Cartão de débito ou de crédito;
  • Pix;
  • PayPal;
  • Entre outros.

 

Vale dizer que esses métodos de pagamento são cada vez mais comuns, seja para a compra de um computador novo ou para qualquer outra mercadoria.

 

5 – Elaboração de Vídeos

A produção de vídeos tornou-se muito intensa nos últimos anos. Hoje em dia, reviews e resenhas de produtos fazem cada vez mais sucesso nos e-commerces.

 

De acordo com pesquisas na área, mais de 60% dos consumidores procuram avaliações das mercadorias antes de efetuar uma compra.

 

Sendo assim, uma dica é apostar na produção de vídeos com poder de viralização. Ou então, firmar parcerias com influencers (influenciadores digitais).

 

A sua empresa pode mandar convites personalizados para youtubers, chamando-os para experimentar um produto e produzir uma resenha.

 

6 – Novas Estratégias de Venda

Com a pandemia do Covid-19 em 2020, muita coisa mudou, incluindo o cenário do mundo dos negócios e as estratégias de venda. Hoje, o que funcionava há dois anos atrás, por exemplo, já não faz o menor sentido.

 

Por essa razão, é importante integrar as áreas internas da sua empresa, através de um sistema de gestão. Assim, é possível proporcionar uma melhor experiência aos consumidores, desde a escolha dos produtos, até a entrega.

 

Por exemplo, os processos de delivery por motoboy entregador estão cada vez mais comuns, bem como o atendimento personalizado via redes sociais.

 

7 – Clubes de Assinatura e de Vantagens

Diante das mudanças nos modelos de negócio, a proposta de clubes de assinatura tornou-se uma tendência para 2021.

 

Assim como nas plataformas de streaming, o consumo dentro de casa permitiu que os consumidores experimentassem novos produtos, além de ser uma forma de encaixar as mercadorias às necessidades dos clientes.

 

Inclusive, esses produtos também podem ser entregues pelo serviço motoboy.

 

8 – Compromisso com a Sustentabilidade

Em relação à experiência do consumidor e pensando na transformação digital, uma pauta que permeia a sociedade nos dias atuais é a sustentabilidade. Hoje em dia, as pessoas estão procurando empresas que tenham compromisso com o meio ambiente e a natureza.

 

Por esse motivo, é necessário ter cuidado com as embalagens extremamente redundantes, com excesso de plástico e de papel na entrega. Além disso, vale a pena investir em alguns processos sustentáveis, como reaproveitamento de materiais.

 

Lembre-se que os negócios que geram engajamento costumam investir na sustentabilidade, para gerar o sentimento de pertencimento e consciência coletiva.

 

Inclusive, o e-commerce ganha cada vez mais força pela transformação no mundo pós-pandemia. O consumidor irá preferir um comércio mais dinâmico, com possibilidade de uma compra mais rápida e acessível.

 

9 – Navegação em Dispositivos Móveis

Não é de hoje que os dispositivos móveis fazem parte de nossas vidas. Para os próximos anos, a perspectiva é que o uso dos smartphones cresça ainda mais.

 

Tanto que, atualmente, a pesquisa por celulares ultrapassou a busca em desktops.

 

Por esse motivo, as empresas que ainda não se adaptaram à responsividade e navegação em dispositivos móveis, precisam fazer isso o quanto antes. Afinal de contas, quem não se atenta à inovação pode acabar ficando para trás no mercado.

 

10 – Voice Shopping

As buscas por comando de voz cresceram muito nos últimos anos. Para 2021, a tendência é que elas permaneçam com grande força, ainda mais com o desenvolvimento dos programas de inteligência artificial, como a Alexa e a Siri.

 

Estimativas mostram que a compra por meio dos dispositivos de voz alcançará U$ 40 bilhões em 2022.

 

Isso porque a Amazon e o Google estão investindo muito nessa tecnologia, já que ela oferece maior praticidade e conforto.

 

Em conjunto às pesquisas por comando de voz, a inteligência artificial será uma grande aliada. Com ela, é possível oferecer experiências cada vez mais personalizadas aos clientes, além de otimizar o tempo de atendimento e integrar diferentes sistemas.

 

11 – Omnichannel

A estratégia de omnichannel consiste na reunião dos diferentes canais de comunicação da sua empresa. Assim, quando um usuário entrar em contato pelo WhatsApp, por exemplo, mas quiser manter o contato através do telefone, a empresa já saberá todos os dados.

 

Isso facilita muito a comunicação, além de tornar o atendimento muito mais rápido, eficaz e preciso, já que os clientes não precisam ficar repetindo as informações.

 

Para ter sucesso com o omnichannel, é preciso entender que os seus clientes precisam de suporte em todos os canais de venda. Assim, ao oferecer uma experiência completa, é possível aumentar consideravelmente as vendas, bem como a reputação da sua marca.

 

Uma dica para alcançar o sucesso é conhecer as principais tecnologias de integração omnichannel disponíveis no mercado, além de escolher os canais de comunicação mais acessados pelos seus clientes.

Leia também o nosso post Influência Digital: 6 Dicas Para Influenciar Leitores a se Tornarem Clientes

Conclusão

A pandemia da Covid-19 em 2020 provocou inúmeras mudanças, principalmente em relação ao comportamento dos consumidores. O crescimento dos e-commerces é um reflexo disso, visto que esse modelo de negócios tornou-se muito popular.

 

Para 2021, espera-se que muitas transformações se mantenham. Por esse motivo, o artigo de hoje trouxe algumas tendências para este ano com o objetivo de oferecer uma base para os e-commerces que querem conquistar o reconhecimento no mercado.

 

Desse modo, é possível aplicar diferentes inovações no seu comércio eletrônico e ter sucesso com o empreendimento.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

One thought on “O Que o Seu E-commerce Precisa se Atentar Para 2021?”

  1. Pingback: Quais as Melhores Estratégias Para Divulgar Uma Empresa Através do Google? - Blog da Agência7 Soluções WEB
  2. Trackback: Quais as Melhores Estratégias Para Divulgar Uma Empresa Através do Google? - Blog da Agência7 Soluções WEB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 14 =