Browse By

Quais Estratégias de Link Building Você Pode Aderir no Seu Site?

O link building é uma importante estratégia no marketing digital, porque quando construímos uma rede de links para o site, o Google interpreta isso como uma referência, colocando o site nas melhores posições.

 

É exatamente por isso que ele se enquadra nas boas práticas de otimização de sites, afinal, a empresa consegue mostrar para os buscadores que é uma autoridade naquilo que faz.

 

Isso acontece porque eles relevam muito o que os links têm a dizer, pois por meio deles os bots do Google rastreiam os conteúdos, indexando-os e percebendo como as páginas se relacionam.

 

Tal relação mostra a relevância de uma página, algo essencial para figurar entre as primeiras posições nos resultados de busca.

 

Quais Estratégias de Link Building Você Pode Aderir no Seu Site?

C:\Users\augusto\Pictures\AG7\Blog\estrategias-link-building-site

 

Portanto, não basta investir apenas em um design criativo e responsivo, melhorar a velocidade de carregamento e criar conteúdos relevantes.

 

Todas essas práticas são importantes, mas é preciso investir e aprender a usar o link building, para assim, construir uma rede de links poderosa para o site.

 

Por conta disso, neste texto, vamos falar sobre o que é link building, sua importância, como ajuda a posicionar bem o site nos buscadores, além de algumas dicas. Confira!

 

O Que é Link Building?

Link building é uma estratégia de SEO que tem o intuito de construir uma rede de links para a página. Isso direciona o tráfego e fortalece a autoridade do site para mecanismos de busca, como o Google.

 

Os links podem ser externos ou internos, no entanto, a maioria é externo – ou seja, de outros sites – conhecidos como backlinks ou inbound links.

 

O papel deles é mostrar ao Google a popularidade e a autoridade de um site, pois o buscador investiga os links que são direcionados a um site, entendendo se ele é bastante citado e possui boas referências.

 

Então, quanto mais links o site de um estúdio para ensaio receber, desde que sejam populares e de boas referências, mais relevante ele será considerado no momento de uma busca. Isso permite verificar informações como:

  • Texto âncora;
  • Conteúdo em torno do link;
  • Posição na página;
  • Qualidade do site.

 

Todos esses fatores e muitos outros impactam diretamente na indexação e no ranqueamento da página linkada.

 

Com relação aos links internos, estes são aqueles incluídos na própria página, e podem direcionar o visitante para dentro quanto para fora do site.

 

Por meio dele, os buscadores também conseguem entender a qualidade e relevância de uma página, analisando o posicionamento ideal para ela nos resultados de busca.

 

Apesar de ser importante no ranqueamento, o link building é, primeiramente, importante para a experiência do usuário, visto que faz com que ele navegue por outras páginas e conheça outros conteúdos.

 

Importância do Link Building

Os links são importantes desde o surgimento da web. A World Wide Web (o famoso “www”) é um conjunto de documentos interligados que formam uma teia.

 

Os links são os responsáveis pela interligação, permitindo que os usuários naveguem entre páginas, sites, imagens, vídeos e arquivos.

 

Os mecanismos de busca, como o Google, se baseiam nessa estrutura de links para rastrear e classificar as páginas, como no caso de site de uma fabricante de espelho mágico fotográfico.

 

Antigamente, os buscadores indexavam por ordem alfabética ou diretórios, como páginas de notícias, esportes, música e sucessivamente. Era necessário cadastrar os sites para aparecer nos índices.

 

Quando surgiram os primeiros buscadores, haviam poucos sites, então essa segmentação era viável. Mas houve um grande aumento no volume de usuários, de sites, conteúdos e buscas, fazendo-se necessária uma mudança.

 

Essas melhorias nos algoritmos entregaram melhores resultados para as buscas, e elas começaram com os buscadores deixando para trás a necessidade de os sites se cadastrarem.

 

O Google, por exemplo, é quem passou a ir atrás dos sites para indexá-los, como um de salão de festa casamento.

 

Para colocar os conteúdos à disposição dos usuários, passou-se a usar uma estrutura de interligação, onde os links mostram o caminho para os robôs dos buscadores.

 

Os sites não eram mais organizados em ordem alfabética, e começaram a ser analisados por aquilo que eles tinham a oferecer.

 

Quem mais se destacou durante todo esse período de mudança foi o próprio Google, por meio do PageRank.

 

O algoritmo leva em conta vários princípios para classificar os sites, como o conteúdo das páginas, popularidade na internet e rede de links.

 

Quanto mais links um site receber, mais relevante passa a ser considerado. Dessa forma, eles são importantes para evidenciar a autoridade de um site, seja de uma fabricante de piso led festa ou de um espaço para eventos.

 

Só que, com o passar do tempo, essa análise continua evoluindo, então não basta apenas ter uma grande quantidade de links, é necessário que eles tenham qualidade e variem bastante.

 

Foi definido, então, que quando páginas de qualidade e diferentes domínios criavam links, a página linkada recebe parte da autoridade, conhecido como link juice. Isso permite que o buscador classifique os sites de acordo com sua autoridade no mercado.

 

Dessa forma, uma página que cria link para outra, mostra o caminho a ser seguido e para qual URL, sendo dessa forma que o link building ajuda a posicionar melhor um site.

 

Dicas de Estratégias

O site de uma empresa de produção musical gospel pode usar diferentes estratégias de link building, tais como:

 

1 – Co-Marketing e Guest Post

É importante encontrar bons parceiros e se aproximar deles, como pode fazer o site de uma grande marca de roupas infantis, por exemplo. Isso permite que elas coloquem em prática duas das melhores estratégias de link building: guest post e co-marketing.

 

Para o guest post, a empresa convidou um parceiro, que passou a produzir conteúdo relevante e, em troca, permitiu que ele inserisse um ou mais links para sua própria página.

 

Isso possibilitou que esse parceiro mostrasse sua autoridade, fazendo com que o site atraísse ainda mais visitantes.

 

No co-marketing foi feita uma parceria entre uma empresa de controle de acesso digital e um buffet, por exemplo.

 

Com isso alguns materiais foram produzidos, como e-books, ajudando a promover os produtos e serviços e as próprias páginas. Tudo isso envolvendo conteúdos realmente relevantes para o público.

 

2 – Criar Ativos de Marketing Digital

O marketing de conteúdo é uma dos pilares mais importantes do link building. Antes de buscar por parcerias, é preciso garantir que os candidatos vão gostar do que é publicado.

 

Isso vai gerar resultados com os visitantes que receber, fazendo com que eles compartilhem os conteúdos e mais links para o site.

 

Para aumentar as chances, uma empresa de aluguel som festa pode investir na criação de ativos de marketing digital. Trata-se de peças de conteúdo com alto valor de compartilhamento.

 

Eles são tão relevantes que praticamente se divulgam sozinhos, sem que seja necessário fazer esforços para gerar links. Alguns exemplos são:

  • Infográficos;
  • Conteúdos interativos;
  • Postagens com listas;
  • Guias completos;
  • Resultados de pesquisas realizadas.

 

Estes são apenas alguns exemplos, mas alguns se destacam mais porque são mais fáceis de apreender, como no caso de um conteúdo visual sobre aluguel de mesa para festa de aniversário.

 

Outros são mais envolventes, como os conteúdos interativos ou aqueles que trazem dados originais, como no caso das pesquisas.

 

3 – Buscar Bons Parceiros

Encontrar parceiros para os backlinks não depende apenas de quem convida, mas também de quem foi convidado. Isso pode tornar-se mais fácil se o dono do site nutre bons relacionamentos com outros donos.

 

Mesmo assim, como encontrar bons parceiros para backlinks é a principal dúvida de quem vai começar a usar essa estratégia agora.

 

Para não deixar dúvidas, podemos dizer que os parceiros ideais são aqueles que conquistaram a confiança dos mecanismos de busca, além de possuir autoridade no mercado, que fazem a produção de materiais e estão vinculados à sua área de atuação.

 

Uma boa dica para achá-los é fazer o uso das principais palavras-chave, por exemplo.

 

4 – Encontrar Menções Sem Link

Da mesma maneira, as menções sem link tornam-se imprescindíveis para o ranqueamento. O Google sabe quando uma empresa é mencionada em grande quantidade, vinculando a menção ao site da marca e posicionando-a mais satisfatoriamente.

 

No entanto, melhor do que uma simples menção é alcançar uma menção com link. Por isso, é importante ir atrás delas e entrar em contato com o administrador da página que fez a citação para que ele inclua o link.

 

O Google Alertas é uma excelente ferramenta para encontrá-las, emitindo uma notificação cada vez que a marca for mencionada.

Leia também o nosso post Investir em Marketing na Crise? 5 Dicas Para Realizar Esse Investimento Sem Correr Riscos

Conclusão

Todas essas estratégias que mencionamos aqui precisam de um bom planejamento, assim como tudo em marketing digital e SEO.

 

O fato é que, mais do que ter um site, é importante que ele seja bem posicionado e uma das melhores maneiras de conseguir isso é por meio do link building.

 

Por meio dessa estratégia, uma empresa será mencionada por grandes marcas que as mencionará também, aumentando a confiança do público e do próprio Google.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 3 =