Browse By

Vale a Pena Investir Em UX/UI Design Na Sua Empresa?

O chamado UX/UI tem como principal foco a experiência do usuário. Em um mundo cada vez mais virtual, conectado e interativo, saber como as pessoas consomem um determinado conteúdo on-line se tornou fundamental para qualquer empresa.

 

No entanto, apesar do termo ser usado para fazer referência à experiência online, o UX e UI possuem algumas diferenças, sendo essencial conhecê-las, antes de aplicar as estratégias como parte do seu planejamento de marketing.

 

Por conta disso, o artigo de hoje vai tratar sobre as especificações do UX e UI, bem como responder para você se vale a pena investir em UX/UI na sua empresa.

 

Ficou curioso(a)? Acompanhe o texto e aprenda mais sobre como melhorar a experiência dos seu público!

 

Vale a Pena Investir Em UX/UI Design Na Sua Empresa?

 

O Que é o UX Design?

O UX Design, sigla para User Experience Design, refere-se ao design pensado para a experiência do usuário, tendo uma relação direta com o produto ou serviço oferecido.

 

Ou seja, no UX Design, não basta apenas de preocupar com a construção de uma interface intuitiva e amigável, é necessário levar em conta o resultado da interação de todos os pontos, efeitos e sensações causadas no visitante da sua página.

 

Portanto, o UX Design pensa na relação do produto com o usuário, para que essa proximidade possa se tornar mais simples e natural.

 

Por exemplo, a estratégia engloba desde o anúncio de um disco de freio iveco daily 35s14, bem como os artigos que tratam sobre o componente, a interação nas redes sociais, até mesmo a embalagem na qual o produto é enviado.

 

Sendo assim, todos os pontos de contato entre empresa e consumidor são levados em consideração. Com isso, é possível criar valores afetivos para a percepção do cliente, em relação à marca.

 

O UX design tem foco na parte emocional, isto é, qual o sentimento que o usuário leva da interação com a empresa.

 

As Vantagens Do UX Design Para As Empresas

Além de valorizar o que o cliente sente, o UX Design também é responsável por evitar 80% dos erros, auxiliando de forma direta o SEO (Search Engine Optimization, ou otimização para mecanismos de busca) do seu site.

 

Afinal de contas, os usuários preferem muito mais um website que trata sobre procedimentos estéticos, como rinoplastia feminina, dando destaque para uma experiência afetiva, do que páginas que somente estão interessadas em vender.

 

Para o trabalho de otimização, isso é um fator de ranqueamento extremamente importante, já que os buscadores, especialmente o Google, levam em consideração a relevância do conteúdo e do próprio site para o internauta.

 

Fora isso, o UX Design também é capaz de aumentar 80% os KPIs (Key Performance Indicators, ou indicadores-chave da performance do projeto), que são as ferramentas de gestão para verificar o desempenho de uma empresa, em uma determinada campanha.

 

Desse modo, o UX Design ajuda a focar no “como” a organização pode alcançar um determinado objetivo, tornando o cumprimento das metas muito mais fácil.

 

Outra vantagem está no aumento das vendas. Os e-commerces e lojas virtuais que adaptam suas plataformas para os dispositivos móveis conseguem ter um crescimento de até 70%.

 

Afinal, hoje em dia, muitas pesquisas são realizadas com o auxílio de smartphones, tablets e celulares.

 

Por isso, um material sobre monitoramento de descargas atmosféricas também precisa ser facilmente acessado pelos dispositivos móveis.

 

E o UI Design?

Já o UI Design, também conhecido como interface do usuário, refere-se o local onde o internauta interage com o produto, quer dizer, todas as partes físicas que abrem portas para uma determinada ação do cliente.

 

O UI é responsável pela parte visual do projeto, bem como o modo que o usuário interage com o aplicativo, plataforma e, até mesmo, com a própria mercadoria.

 

Ou seja, o UI Design é tudo aquilo que é visual, perceptível e atrativo para o usuário e pode causar alguma interação – e isso inclui um botão, um menu diferenciado, entre outros recursos.

 

Por exemplo, ao tratar do gerenciamento de áreas contaminadas Cetesb, a página da web pode conter um botão de chamamento para um vídeo, que trata sobre o assunto de modo visualmente mais atrativo. Entretanto, o botão precisa ser potencialmente visível.

 

Isso porque o papel do profissional UI é guiar o usuário de maneira simples, ao invés de complicar a experiência do visitante.

 

Por causa disso, a interface sempre recomenda uma ação específica, deixando o caminho muito mais fácil.

 

As Vantagens Do UI Design Para As Empresas

Se o seu site não orientar os visitantes, provavelmente eles não tomarão as decisões certas, o que pode complicar o seu processo de venda.

 

Imagine que você deseja vender um preenchimento facial bigode chinês. Como estruturar a sua interface para guiar o usuário até a compra do serviço?

 

Use recursos visuais atrativos, como botões que encurtam o caminho até o fechamento do negócio. Ou, então, coloque um banner visualmente atrativo, com uma oferta do procedimento.

 

Ter um UI bem planejado é a chave para alcançar mais leads (potenciais clientes) e aumentar as chances de venda.

 

Afinal, um UI mal feito custa caro, pois o usuário pode abandonar o seu site e voltar para o Google, procurando por uma empresa concorrente.

 

Conheça As Diferenças Entre UX e UI Design

Como podemos perceber, investir em UX/UI na sua empresa vale muito a pena.

 

No entanto, é imprescindível conhecer os principais pontos distintos entre ambos conceitos, para que a aplicação no seu negócio seja eficaz. Veja abaixo!

 

1 – O UI Só Existe Com Uma Interface Visual

Como dissemos anteriormente, o UI precisa de uma interface, pois ele tem foco no visual. Então, é preciso de uma tela.

 

O UI pode ser visto em:

  • Aplicativos;
  • Websites;
  • Blogs;
  • Redes sociais;
  • Entre outros.

 

No entanto, a mesma coisa não pode ser dita do UX. Isso porque, muitas vezes, a sensação e a experiência dos usuários não têm nada a ver com uma tela. Ela pode, até mesmo, dispensar a interface.

 

Portanto, quando construímos um site interativo de um centro de usinagem vertical, estamos falando de UI Design.

 

Quando desenvolvemos uma campanha para aproximar os clientes da marca, estamos falando de UX Design.

 

2 – O UI Orienta a Navegação Do Usuário, o UX Faz Valer a Experiência

Enquanto o UI faz com que a navegação do usuário seja muito mais simples e guiada, o UX faz com que ela seja agradável.

 

Não adianta nada colocar um botão de chamamento, se todo o website não é atrativo e produz uma experiência negativa ao visitante.

 

Além disso, é necessário focar nas informações. Por exemplo, se um usuário busca saber mais sobre o processo de jateamento de peças, uma navegação agradável oferece esse conteúdo muito mais rápido e de maneira simples.

 

3 – UI é Razão; UX é Emoção

Ambas estratégias podem ser usadas em conjunto. Mas, para isso, é preciso saber que o UI diz respeito à razão, isto é, como o usuário irá enxergar algo.

 

Já o UX é sobre emoção. Não basta saber como o visitante enxerga o conteúdo sobre boroscopia industrial, mas sim, como ele sente a informação, quais sentimentos são despertados com o material.

Leia também o nosso post Como a Ferramenta Audience Insights do Facebook Pode Ajudar Nas Estratégias De Marketing

Então, Vale Mesmo a Pena? Quais Os Benefícios?

Como vimos, não só vale a pena investir em UX/UI na sua empresa, como também esses recursos podem ser um diferencial na sua estratégia de marketing.

 

Afinal de contas, é possível gerar muito mais valor ao público com um site que percebe a experiência do usuário, em comparação com uma página que não leva isso em consideração.

 

Além do mais, um dos principais pontos positivos do UX/UI Design está no encantamento dos clientes.

 

Esse é um dos indicadores mais importantes para o sucesso da sua organização.

 

Quando encantamos a nossa audiência, conseguimos reter mais visitantes. Em consequência, é possível aumentar o tráfego do seu website, promover maior engajamento e ter mais recomendações no mercado.

 

Portanto, os clientes com uma experiência positiva também se tornam promotores da sua marca. E nada melhor que uma boa indicação, não é mesmo?

 

As pessoas tendem a confiar mais em produtos e serviços indicados por seus conhecidos, daí a importância de reter os clientes e torná-los divulgadores da empresa.

 

Fora isso, o UX/UI Design também aumenta o reconhecimento da sua marca. Com mais clientes, mais recomendações e mais visitantes na sua página, mais autoridade você tem e, consequentemente, há um fortalecimento da empresa no mercado.

 

Ou seja, ao investir em estratégias de UI e UX Design, as pessoas vão acabar comentando sobre você. E o melhor: de maneira positiva.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

One thought on “Vale a Pena Investir Em UX/UI Design Na Sua Empresa?”

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    3 × três =