Browse By

Entenda Porque o Investimento em Seguros é Vantajoso

O investimento em seguros é importante por diversas razões, inclusive, para se ter um bom planejamento financeiro. Mesmo assim, algumas pessoas ignoram a sua importância.

 

Não é difícil ter conhecimento dos seus benefícios, uma vez que é sabido que os seguros protege o segurado de situações que ainda nem aconteceram, que são imprevisíveis e que podem trazer muitos problemas.

 

Muitos acham estranho falar deles como um investimento, porque diferente das aplicações, nós não podemos acompanhar rendimentos e nem saber quando poderemos usufruir.

 

O fato é que estamos inseridos em um cenário imprevisível, seja com nossa casa, automóveis, viagens e até no cotidiano. Por isso, o mercado oferece uma vasta gama de opções de seguros, que deixam as pessoas em dúvida.

 

Entenda Porque o Investimento em Seguros é Vantajoso

Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

 

É importante dizer, no entanto, que nem todos são adequados a determinados perfis e necessidades, sendo até mesmo obsoletos. Daí a importância de analisá-los com calma e tranquilidade e conhecer bem as suas especificações.

 

Assim como há aqueles que não nos servem, existem seguros que são indispensáveis e até obrigatórios, como no caso do seguro viagem, exigido por muitos países quando se vai para o exterior.

 

É pensando nesses pormenores que trouxemos este artigo, que vai explicar como funcionam as seguradoras, as vantagens dos principais tipos de seguros, além de dicas de como escolher uma boa seguradora. Acompanhe!

 

Como é o Trabalho das Companhias de Seguro?

As companhias de seguro são empresas que atuam no mercado financeiro. Elas emitem apólices e, no caso de sinistros (isto é, a ocorrência, de algum evento coberto pelo seguro) cumprem com a indenização prevista.

 

Elas seguram bem materiais como casas, carros, motos e outros do tipo, além de viagens e a própria vida dos contratantes.

 

É importante frisar que seguradora não é o mesmo que corretora. Se uma transportadora pequenas cargas deseja proteger os veículos de sua frota, ela obtém o serviço de uma seguradora, mas por meio de uma corretora.

 

Ou seja, a seguradora é responsável pelo serviço prestado e a corretora atua como mediadora na contratação.

 

O funcionamento das companhias de seguro baseiam-se, basicamente, em duas ações: emissão de apólice e pagamento de indenização.

 

Para emitir a apólice, a seguradora faz uma análise do risco que o segurado apresenta, por isso, eles recebem propostas de diferentes condições, uma vez que possuem perfis diferentes.

 

Durante a análise, a companhia se certifica da probabilidade de o sinistro acontecer. Com isso, ela traça uma relação entre a probabilidade que identificou e qual preço irá cobrar pela apólice.

 

Aliás, as seguradoras também se certificam se é viável financeiramente para elas emitir o documento. Por exemplo, uma pessoa que faça entrega de jornal com moto está mais exposta no trânsito do que alguém que usa o veículo apenas aos finais de semana.

 

Por isso, o valor que esse indivíduo terá de pagar para a seguradora será mais alto. Em alguns casos, como um carro que está constantemente em risco de roubo, a prestação de serviço nem é interessante para a companhia, que pode se recusar.

 

Portanto, em alguns casos, um valor alto é cobrado para compensar os gastos que ela terá com aquele segurado. Isso porque quando a apólice é emitida, a seguradora torna-se responsável pelas indenizações previstas no documento.

 

No entanto, para que ele seja realizado, o segurado deve entregar alguns documentos e será feita uma perícia. Isso vai determinar a existência do sinistro e afastar as suspeitas de fraude.

 

Essas companhias também enfrentam alguns desafios, pois são fortemente reguladas pela SUSEP (Superintendência de Seguros Privados). Ele impõe restrições rígidas às atividades e à maneira como as seguradoras operam.

 

Elas também precisam manter um montante de capital de risco, uma vez que é ele que vai garantir o pagamento de sinistros.

 

Para segurar um veículo usado, de frete e transporte de pequenas cargas, por exemplo, o capital é calculado com base em uma estimativa. Se ele não for suficiente, a companhia pode ter problemas de insolvência.

 

Isso resulta em sanções legais e administrativas, que podem prejudicar a própria seguradora. Além do mais, ela ainda corre o perigo de assumir um risco maior do que são capazes os seus recursos.

 

Nesses casos, ela pode transferir o risco para outra empresa, conhecida como resseguradora.

 

Vantagens dos Principais Tipos de Seguro

Existem alguns seguros que são mais comuns e procurados pelas pessoas, afinal, estes correspondem às principais necessidades de um indivíduo. São eles:

  • Seguro de vida;
  • Seguro de carro;
  • Seguro residencial;
  • Seguro viagem.

 

O seguro de vida é vantajoso por muitas razões, pois é o único que protege uma família de um infortúnio inevitável: a morte.

 

São apólices que indenizam em caso de mortes naturais ou acidentais, e pode ser contratado pelo próprio segurado ou oferecido por empresas de fretamento de vans ou qualquer outro ramo aos seus colaboradores.

 

Além de indenizações por morte, esse seguro também pode cobrir outras situações, como invalidez (que prejudica a geração de renda do segurado) ou em casos de doenças graves e terminais.

 

Portanto, esse o seguro de vida torna-se fundamental, uma vez que garante o bem-estar do beneficiário e de seus dependentes, como cônjuge e filhos.

 

O seguro de veículos tem benefícios mais imediatos, uma vez que carros, motos e outros automóveis estão mais expostos e os acidentes são comuns.

 

Os veículos são taxados como patrimônio, por isso precisam estar protegidos pelos seguros, uma vez que roubos e acidentes podem levar a perdas de quantidades consideráveis de dinheiro, o que prejudica a saúde financeira.

 

Além disso, esse seguro também traz vantagens no que diz respeito às responsabilidades do próprio segurado, uma vez que ele pode sofrer acidentes que causam mortes, feridos ou danificar outros veículos.

 

O seguro residencial, por sua vez, é essencial porque ele protege os imóveis contra riscos, como incêndios e roubos.

 

Ter uma casa, apartamento ou até mesmo um imóvel comercial é investir em um patrimônio, e perdê-lo por diversas situações é um prejuízo incalculável.

 

O seguro de residência também tem suas vantagens, afinal, o mesmo pode cobrir objetos roubados dentro da casa, como eletrodomésticos, móveis e até dinheiro.

 

Da mesma forma, seu custo é muito baixo em relação ao valor do imóvel, podendo ser aplicado, inclusive, para imóveis que o proprietário apenas aluga.

 

Por fim, o seguro viagem é muito importante e satisfatório, principalmente por ser uma exigência em muitos países.

 

Além de proteger o segurado em caso de morte e invalidez durante as viagens, ele também evita gastos com consultas médicas, odontológicas e até internações hospitalares.

 

Além disso, existem apólices que cobrem a perda de documentos, bagagens ou retorno antecipado.

 

Como Escolher Uma Boa Seguradora?

Existem alguns cuidados que uma pessoa ou empresa de transporte executivo bilíngue precisam ter na hora de escolher uma seguradora.

 

O primeiro passo é checar a reputação dela, principalmente na internet e nas redes sociais, onde é possível ver comentários de pessoas que já usaram seus serviços.

 

Ademais, é interessante pedir indicações a amigos e familiares, pois sempre conhecemos alguém que já precisou ou faz o uso desses serviços. É a mesma atitude que teríamos ao pedir indicação de um bom mecânico 24 horas mais próximo.

 

Também é importante se certificar da legalidade da seguradora e se ela está registrada nos devidos órgãos. Para obter essas informações, o contratante pode fazer uma checagem no site da SUSEP.

 

Verifique a transparência das informações para se certificar quanto à ética no tratamento de clientes, governo, corretores e a sociedade em si.

 

Isso também inclui a explicação de regras e cláusulas presentes no contrato, como, por exemplo, se o seguro cobre alinhamento rodas traseiras e outras necessidades do veículo nesse tipo de seguro.

 

Esse é um passo fundamental, principalmente antes de assinar o contrato, afinal, uma vez feito isso, você concorda com as condições da seguradora.

 

Do mesmo modo, é interessante fazer orçamentos com várias seguradoras e analisar a cobertura e o valor que será cobrado. Sempre vai existir, no mercado, uma condição mais proveitosa.

 

Mesmo que você pague um pouco mais caro, talvez as condições sejam melhores para você. Nem sempre pagar barato te dará toda a cobertura necessária.

 

Se você bater o carro e precisar trocar o escapamento esportivo celta, por exemplo, talvez um seguro que faça essa cobertura seja mais vantajoso, mesmo que custe um pouco mais caro.

Leia também o nosso post Por Que as Empresas Devem Possuir Seguros?

Conclusão

Proteger nossos bens é fundamental para não se expor a perdas e prejuízos. A vida é um bem precioso, e na falta do provedor da família, muitas crianças podem passar necessidade.

 

Essas e outras situações são imprevisíveis, ou seja, nós nunca sabemos o que vai acontecer amanhã, por isso, é importante se precaver e cuidar de todos os detalhes. Uma das melhores maneira de se fazer isso é contratando um bom seguro.

 

Agora que você já conhece melhor sobre eles, pode escolher a melhor seguradora e garantir a proteção de tudo aquilo que você considera importante em sua vida.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

One thought on “Entenda Porque o Investimento em Seguros é Vantajoso”

  1. Pingback: 7 Vantagens Que os Seguros Trazem Para as Empresas - Blog da Agência7 Soluções WEB
  2. Trackback: 7 Vantagens Que os Seguros Trazem Para as Empresas - Blog da Agência7 Soluções WEB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 1 =