Como o Email Marketing Pode Ajudar Na Comunicação Interna Da Sua Empresa

O email marketing é uma estratégia de comunicação bastante eficiente, afinal ele permite que um conteúdo seja enviado para quantas pessoas for preciso, em um curto período de tempo.

 

Além disso, é uma ferramenta importante para que todos os funcionários de uma organização estejam sempre por dentro dos pontos importantes da rotina produtiva, ao mesmo tempo em que aproxima cada uma das áreas internas de um estabelecimento.

 

Já é sabido que, para que os funcionários se sintam devidamente inseridos dentro da rotina de uma empresa, é preciso que eles estejam sempre atualizados sobre novas estratégias, além de reforçar os valores e a missão daquele local.

 

Como o Email Marketing Pode Ajudar Na Comunicação Interna Da Sua Empresa
Photo by Web Hosting on Unsplash

 

Por isso, é importante que as empresas invistam cada vez mais em maneiras eficientes de comunicação interna, já que os funcionários são fundamentais dentro do estabelecimento: eles tornam possíveis grande parte das atividades, e fazem com que elas sejam sempre bem executadas.

 

O Que é Email Marketing?

O email marketing existe para facilitar a comunicação de uma empresa com o público externo, aqueles que geralmente são os clientes, ou público interno, os colaboradores da empresa.

 

Essa ferramenta possui diferentes funcionalidades, que pode ser desde a propaganda de um dispensador de senha bico de pato, até o envio de conteúdos de grande relevância, que podem servir para informar os destinatários sobre um determinado assunto.

 

Porém, apesar de muitas empresas apostarem nesse formato apenas para disparo de emails para seus clientes, hoje o email marketing pode ser utilizado em uma estratégia de comunicação com os funcionários de um estabelecimento, facilitando o compartilhamento de conteúdos e mantendo os colaboradores informados sobre vários pontos estratégicos, tais como:

  • Cursos;
  • Eventos;
  • Novidades;
  • Campanhas;
  • Atividades corporativas, etc.

 

Por isso, o email marketing se mostra uma maneira prática de divulgar informações importantes para todos os colaboradores, mantendo-os sempre informados.

 

Estratégias De Uso Do Email Marketing

Justamente por ser um formato bastante prático, é preciso utilizá-lo de maneira estratégica, para que o conteúdo enviado sirva de suporte para a comunicação interna.

 

Tendo em vista algumas das principais necessidades internas de uma empresa, abaixo serão abordados alguns dos pontos principais em que o email marketing pode auxiliar de maneira interessante.

 

Para Divulgação De Um Evento Interno

Muitas empresas realizam, periodicamente, treinamentos e palestras para que a performance da equipe seja melhorada.

 

Isso inclui desde treinamentos motivacionais até os teóricos, que servem muitas vezes para realizar um aprimoramento das funções exercidas pela equipe.

 

Uma organização que trabalhe com equipamentos de energia solar pode, por exemplo, oferecer cursos e palestras de instalação e manutenção de Gerador de energia solar residencial para sua equipe de técnicos, de maneira a capacitar os funcionários a realizar novos serviços.

 

Por meio do email marketing, então, esses funcionários podem ser avisados sobre datas e horário de realização do treinamento, fazendo com que se programem para estar no evento, além de receberem conteúdos programáticos do que será ensinado.

 

Para Apresentar As Novidades Da Empresa

Uma empresa que se preocupa sempre em oferecer novidades ao seu público precisa manter os seus funcionários informados para que eles possam prestar um atendimento qualificado aos seus clientes.

 

Uma clínica de estética que decide investir em novos tratamentos para atender ao seu público pode utilizar o email marketing para comunicar aos seus funcionários informações importantes, como os novos métodos de tratamento para flacidez no rosto, por exemplo.

 

Assim, cada funcionário que atender um cliente ou um possível cliente na clínica, poderá apresentar informações importantes sobre cada um dos procedimentos estéticos oferecidos ali.

 

Isso não só transmite maior segurança ao cliente, como também ajuda o funcionário a melhorar o seu trabalho, de modo a saber responder perguntas sobre Abdominoplastia masculina ou sobre outros processos de beleza.

 

Para Informar Sobre Uma Campanha

Muitas empresas hoje realizam campanhas beneficentes, em que se comprometem a auxiliar determinadas instituições em alguns períodos do ano, arrecadando produtos diversos para encaminhá-los aos mais necessitados.

 

Por meio do email marketing, é possível comunicar aos funcionários sobre essas ações, que podem ser importantes para que eles instruam seus clientes e colegas a realizar uma contribuição.

 

Para Informar Sobre Atividades Corporativas

As atividades corporativas fazem parte da rotina de muitas empresas. Sejam reuniões ou sejam comemorações especiais, é preciso que os funcionários sejam informados com antecedência para que possam participar.

 

Se aquela mesma clínica pretende ampliar a sua oferta de serviços, incluindo procedimentos como Drenagem linfática na barriga, por exemplo, é importante realizar uma reunião com seus funcionários para informar essas novas atividades, podendo utilizar o email marketing para divulgar essa reunião.

 

Depois, é possível enviar todas as pautas levantadas durante a reunião utilizando essa mesma ferramenta de comunicação, possibilitando que os colaboradores acessem facilmente o conteúdo que foi debatido.

 

Para Apresentar Novos Produtos

Quando uma empresa decide ampliar o seu catálogo de produtos, ela pode comunicar aos seus funcionários sobre as novidades por email marketing.

 

Assim, ao incluir um novo modelo de Forro de pvc imitando madeira em seu portfólio, a empresa comunica mais facilmente aos seus colaboradores sobre o novo produto, de modo que eles possam apresentar uma nova opção para os clientes interessados na compra do item.

 

Para Receber Feedbacks Internos

Uma maneira muito interessante de utilizar o email marketing internamente é para realizar pesquisas com os funcionários, enviando uma enquete ou formulário que permita a interação dos colaboradores.

 

Isso faz com que os funcionários possam comunicar eventuais dificuldades ou falta de ferramentas que possam ser necessário para suas atividades. Ou mesmo para solicitações variadas, além de fornecer feedbacks positivos sobre processos internos do local.

 

Desse modo, é possível melhorar o ambiente interno de uma empresa com facilidade, pois uma das principais características de um estabelecimento de sucesso se refere à qualidade da comunicação entre os gestores e seus funcionários, e à capacidade de acolher críticas e melhorar processos.

 

Para Esclarecer Informações

É comum ocorrer troca de informações equivocadas dentro de um local de trabalho, principalmente quando essas notícias circulam sem um comunicado oficial.

 

Nesse sentido, o email marketing pode auxiliar no esclarecimento de pontos que foram transmitidos de maneira duvidosa, que podem gerar desconforto ou dúvida no ambiente de trabalho.

 

A Importância De Investir Na Comunicação Interna Da Empresa

Toda empresa precisa investir em comunicação interna, pois ela influencia diretamente nos resultados oferecidos por seus colaboradores.

 

Uma comunicação interna eficiente oferece benefícios como:

  • Fazer o funcionário se sentir parte da empresa;
  • Aumentar a produtividade e eficiência;
  • Melhorar a participação dos funcionários;
  • Criar uma boa impressão sobre a empresa.

 

Apesar de muitas empresas ainda não considerarem a importância da comunicação interna, a grande maioria já percebeu o valor de se investir nesse elemento.

 

Isso porque uma comunicação mais clara faz com que o funcionário se sinta parte da empresa, aumentando a sua produtividade por se sentir bem acolhido dentro do seu local de trabalho.

 

Além disso, o funcionário se sente mais inclinado a oferecer sua mão de obra com maior empenho, entregando resultados mais aperfeiçoados e completos.

 

Esse conjunto de fatores faz com que a empresa demonstre uma preocupação com o seu quadro de funcionários, o que faz com que eles retribuam de maneira mais espontânea e eficiente.

 

Esse tipo de atitude deve ser tomada por empresas de qualquer segmento, sejam elas especializadas em aluguel de caçamba entulho, ou sejam elas especializadas em procedimentos de beleza.

 

Isso porque uma característica fundamental das empresas que se preocupam com seus funcionários envolve principalmente as maneiras com que ela resolve as dificuldades internas de funcionamento, e em como ela se propõe a ouvir as queixas de seus colaboradores, que podem envolver o veículo responsável pelo transporte da caçamba de entulho ou sobre um procedimento de locação que precisa ser modificado.

 

Nesse sentido, para complementar os resultados de uma pesquisa de comunicação interna, podem ser realizados eventos para confraternização entre os setores da empresa, que permitem um maior entrosamento dos funcionários, trazendo momentos de descontração para o ambiente.

 

Outra maneira de retribuir a confiança dos colaboradores é reconhecer o trabalho realizado por eles, seja por meio de premiações e bônus ou seja por meio de reconhecimento público, que pode ser feito tanto por email marketing, divulgando os resultados que a comunicação interna alcançou, quanto individualmente.

 

Depois de um período investindo na comunicação interna de uma empresa, é possível perceber os resultados de maneira muito satisfatória, melhorando não apenas os processos internos do local, como também tornando a rotina muito mais produtiva e agradável para todos.

 

Por isso, o email marketing se mostra uma ferramenta bastante interessante no que diz respeito à comunicação interna de uma empresa, assim como outros elementos que fazem com que os funcionários interajam de maneira mais ativa e engajada dentro do local.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Público-Alvo

Olá, hoje eu queria perguntar para você se você conhece exatamente quem é o seu público-alvo? Quem consome os seus produtos ou, serviços. Ou quem você acha que futuramente irá consumir os seus produtos e serviços.

 

Diversos hábitos, diversas informações sobre o seu público-alvo, podem sim ser extraídas, e elas são essenciais para que você consiga vender mais os seus produtos e serviços. Se comunicar exatamente com a sua audiência. Se comunicar de forma direta com a audiência correta que consome os seus produtos e serviços.

 

Público-Alvo

 

Uma das coisas que faz toda a diferença quando você for vender um negócio ou vender um produto, apresentar o seu negócio pela internet, é se comunicar corretamente com a sua audiência. E se você conhece exatamente quem ela é, quais são os hábitos dela, se ela gosta de, por exemplo, correr no parque, se ela se preocupa com a saúde, se ela se preocupa em fazer exercícios regulares, se ela tem filhos, se ela pratica algum tipo de esporte, se ela gosta de ver um filme, se ela gosta de algum tipo de livro diferenciado. Todos esses detalhes sobre quem exatamente é o seu público fazem toda a diferença na hora de você comunicar o seu produto ou serviço.

 

E a partir do momento que você consegue entender quem é o seu público-alvo, a sua comunicação funciona, porque você vai se conectar com essa audiência. A pessoa vai entender que você é amigo dela, que você realmente entende as dificuldades que ela está passando. Você entende exatamente quais os problemas que ela tem.

 

A partir do momento que você identifica quem é sua audiência e consegue se comunicar com ela. Você tem muito, mas muito mais chances de vender para ela. De fazer com que ela se inscreva dentro da sua lista de e-mails, que ela execute as ações que você está tomando.

 

Público-Alvo

 

Sabe quando você assiste um filme, ou uma novela, um seriado, e você se identifica exatamente com aquele personagem, com aquele herói. Você vive a história junto com ele. É mais ou menos isso que a comunicação assertiva faz pelo seu negócio.

 

A partir do momento que você consegue realmente conversar com a pessoa e falar a língua dela mesmo você não vivendo diretamente aquele detalhe. Mesmo você, por exemplo, não tendo filhos, mas podendo entender que a maioria do seu público aquele segmento específico do seu público, tem filhos. Se você falar com ela mais assertivamente, por exemplo, falar:

-Você que tem problemas em administrar o tempo com a família, você que tem problemas em pegar aquele trânsito para levar seus filhos à escola. Você que tem problemas em entender as lições de casa dele.

 

A medida que você fala essas sutilezas do dia a dia da comunicação com a sua audiência, tudo começa a funcionar melhor. Tem um outro exemplo muito legal, que eu gosto, que eu ouvi o Conrado Adolpho falar, que é a tal da Sentir a espuminha nas costas. Ele fala duma conversa que ele teve com o surfista e tal, no dia que ele quis aprender sobre Surf, ele começou a falar com ele sobre as ondas e tal, e como que estava quebrando bem o mar naquele dia tal. E o surfista falou para ele:

– É, aquele momento que você entra na onda e você sente a espuminha da onda nas costas antes de dropar na onda

 

Ou seja, é um detalhe da comunicação que só realmente quem entende daquela persona, que entende daquele mercado vai saber. Você precisa identificar a espuminha nas costas da sua persona. Identificar que tipo de comunicação funciona com a sua audiência. Funciona com o seu público-alvo.

 

Público-Alvo

 

Iniciar uma conversa informal, falar a língua do seu cliente. Se comunicar com ele apresentando outras pessoas que passaram por aquilo, faz com que ele realmente entenda que você está querendo resolver o problema dele, e não só vender para ele naquele momento.

 

Muitas pessoas acham que o que faz a diferença para o cliente, são os detalhes técnicos do seu produto. E a hora que vão conversar com o cliente, acabam falando sobre especificidades. Coisa que ele consegue ler no catálogo, na embalagem do produto. Não é isso que ele quer ouvir. Não é isso que vai fazer a diferença na hora dele comprar de você.

 

O que vai fazer a diferença é a comunicação por trás do seu produto. A comunicação que está intrinsecamente ligado ao seu produto ou serviço. Os detalhes do dia a dia ou a parte emocional da conexão com o seu negócio. Aquela vantagem que ele vai ter em usar o seu produto. A transformação que ele vai ter em usar o seu produto.

 

Não os detalhes técnicos que geralmente, a maioria das pessoas não consegue vender, porque fica muito atrelado e tenta especificar, informar só o detalhe técnico do negócio. Não constrói histórias, não mostra que existe sucesso.

 

Existem diversas ferramentas da internet que podem ajudar você a entender um pouco mais de seu público-alvo. Falando de Google e Facebook que são as principais fontes de tráfego, que a maioria dos sistemas usam, que você provavelmente vá usar. Dentro do Facebook você pode usar o planejador de palavras-chave para entender um pouco mais da sua audiência. É uma ferramenta que você chega lá e consegue identificar que tipo de pesquisa as pessoas fazem na internet.

 

Por exemplo, você coloca lá: corrida. O Google vai te falar: as pessoas pesquisam geralmente, qual é o melhor lugar para correr? Que horas que é melhor correr? Qual é a dieta ideal para a corrida? Qual é o tênis ideal para a corrida? Ele vai te dar várias informações alvo de como as pessoas que procuram sobre corrida, o que mais eles estão pesquisando. E isso vai dar todo embasamento e vai dar todo o potencial da sua pesquisa para melhorar a comunicação com o seu cliente.

 

Público-Alvo

 

Dentro do Facebook também tem uma ferramenta muito legal que é o Audience Insights. Ele mostra o que está por trás daquela audiência. Você pode subir um público, uma lista de compradores, pessoas que já compraram de você. Ou segmentar as pessoas que curtiram a sua fanpage. Existem várias formas de você analisar o audience insights.

 

Mas basicamente ele vai dizer: às pessoas desse grupo alvo aqui, ele tem entre 20 e 35 anos no seu geral, a grande maioria. São homens, são 80% homens, são 90% mulheres, eles são casados, eles completaram o segundo grau, eles geralmente estão viajando. Tem muitos dados dentro da audience insights que faz com que você realmente entenda quem é o seu público-alvo por trás daquela audiência.

 

Então eu queria aproveitar para você, o que que é um lead. O que é isso? O que é uma audience, o que é um lead qualificado, ou não. Basicamente um lead, é um futuro comprador. Alguém daquele público-alvo, desse nicho que a gente está conversando, que futuramente pode vir a comprar um produto seu. Você tem por exemplo uma academia, então os seus leads são pessoas que moram em torno do seu bairro.

 

A tua academia, vamos ser mais específico aqui. A tua academia é especializada em mulheres ou, especializado em dança. Então são as pessoas da região em volta desse bairro que tem interesse em dançar ou que são mulheres. E, um ponto legal que você precisa entender, é que às vezes, como academia, o seu nicho, o seu público, ele é um pouco mais abrangente. Realmente ele serve para várias pessoas. Homens e mulheres de qualquer idade.

 

Público-Alvo

 

Mas mesmo seu produto sendo meio genérico. Vamos dizer aqui, que não existe produto totalmente genérico, é muito difícil você ter um troço que serve para todo mundo. Mas mesmo seu produto sendo um pouco genérico, a sua comunicação tem que ser específica.

 

Por exemplo, quando você for fazer uma publicação você vai criar uma comunicação, você vai criar um funil, você vai criar um relacionamento específico com mulheres de 20 a 30 anos porque você vai falar exatamente com ela.

 

Sabe aquele momento que o personagem do filme está falando com você, e você fala: “Aham, Aham” ou aquelas propagandas que tem, que, acho que é até melhor ir em propaganda, né? As vezes tem aquela propaganda que o cara fala: Você já passou por isso? Você que vive estressado com a mãe da sua esposa, que fica te incomodando por causa disso, e você fala: “Aham, Aham, sou eu, sou eu”. É exatamente isso, quando você tiver uma comunicação assertiva, as pessoas vão falar: “Aham, você está falando exatamente comigo”. E isso funciona muito bem, essa conexão funciona para que você venda muito mais. Então crie comunicação nichada. Teu produto é genérico, mas a tua comunicação é nichada.

 

Hoje dentro do meu negócio, por exemplo, eu tenho vários canais, várias verticais ao qual os clientes podem adquirir o meu produto. Mas cada vertical tem uma comunicação específica. Se a pessoa é um empresário, eu falo com ele com um tom, com comunicação do empresário, falando das dores que o empresário tem. Se por um acaso esse cara é um infoprodutor, ou um professor, eu falo com ele de forma, com linguagens que o professor entende. Com as dores que o professor tem.

 

Então, você precisa nichar, você precisa se comunicar e entender melhor a sua audiência, para poder se comunicar melhor com ele.

 

E tendo essas informações na mão, você vai conseguir projetar o seu tráfego. E esse é um ponto bem interessante, se você não sabe o que é tráfego, tráfego são as fontes que gerarão visitas ao seu site. Que atrairão visitantes ao seu website, ou seu negócio virtual, ou seu portal da internet, o seu ambiente virtual. Então você precisa entender muito bem quem é a sua audiência para poder segmentar esse tráfego.

 

Muitas vezes, se você não segmenta ele muito bem na comunicação do tráfego, por exemplo, você vai colocar um banner no Facebook para atrair essas pessoas. Se você colocar muito genérico, você atrai, geralmente curiosos. Às vezes você gera muitos leads, você consegue muitos contatos, mas não consegue vender nada.

 

Geralmente isso está ligado a uma comunicação muito abrangente e não tão específica. Quando você faz isso, você consegue atrair muitos curiosos, mas não pessoas realmente importantes, que se importam, o que você irá resolver o problema delas. Você não atrai a audiência certa, você não atrai o lead certo. Então é muito importante você prestar atenção nisso.

 

Público-Alvo

 

Conseguir segmentar bem a sua comunicação e deixar isso claro nos seus anúncios. Nas suas fontes de tráfego para atrair o visitante correto. Para atrair a pessoa certa para visitar o seu website. Para consumir o seu conteúdo e, conhecer mais sobre a sua empresa ou, sobre o seu negócio, ou sobre o seu serviço.

 

E depois que você entender exatamente como é que funciona, as fontes de tráfego, e a sua audiência, você precisa conectar as duas coisas. Você precisa atrair audiência qualificada das fontes de tráfego e ver se aquela audiência compra de você. Para isso, você precisa testar. Não tem outra forma, você vai atrair pessoas de diferentes locais e mapear essas pessoas.

 

-Eu trouxe umas pessoas do Google, através dessa palavra-chave, integrando esse tipo de conteúdo e ela comprou e isso me custou 30 reais. E ela comprou um produto de R$50, legal. Agora, eu atraí essa pessoa do Facebook, com esse tipo de imagem, com esse tipo de anúncio, com esse tipo de comunicação, e ela me custou R$15,00. E comprou o mesmo produto de 50 reais e assim por diante. Você precisa testar a fontes de tráfego e testar a comunicação até achar o que tem um ROI melhor, um retorno sobre investimento melhor.

 

Fonte: Negócios Digitais – Público-alvo – Blog leadlovers