Como produtos ecológicos podem agregar valor a uma marca?

Os produtos ecológicos se tornaram uma grande tendência do mercado por conta da conscientização em relação aos problemas que itens comuns causam ao meio ambiente.

 

Os consumidores preferem as soluções que apoiam a sustentabilidade, levando as empresas a mudarem suas práticas.

 

Nos últimos anos, muito se fala sobre sustentabilidade, tendo em vista os malefícios provocados pelos seres humanos ao longo do tempo. Atualmente, essa questão se mostra muito preocupante e é necessário revertê-la.

 

Para garantir que as próximas gerações tenham acesso aos recursos naturais, a sociedade como um todo criou consciência, e cada um tem seu papel para lidar melhor com o problema.

 

Como produtos ecológicos podem agregar valor a uma marca?

 

As pessoas cobram das empresas uma posição sustentável, e estas se veem obrigadas a adotar práticas que respeitam o ecossistema e agradam a clientela. Ou seja, mais do que consciência ambiental, é uma forma de manter o consumidor comprando.

 

As ações sustentáveis fazem parte de todo o processo, desde a produção do produto, passando pelas estratégias de marketing, logística e outros setores.

 

Para entender um pouco mais sobre o assunto, neste artigo, vamos explicar o que são produtos ecológicos, como eles agregam valor à marca e como iniciar esta prática dentro do seu negócio.

 

Produtos ecológicos: do que se trata?

Os produtos ecológicos são uma solução que se preocupa com a biodiversidade. Seu princípio é não alterar o equilíbrio do meio ambiente e preservá-lo.

 

É proveniente de fontes renováveis, atóxico e não-poluente, portanto, não prejudica o meio ambiente. São feitos de materiais recicláveis, matérias-primas naturais renováveis e não contêm pele de animais ou partes deles.

 

As organizações também investem em programa de prevenção de riscos ambientais materiais perfuro cortante, utilizam plástico biodegradável e fazem reciclagem de matérias-primas sintéticas, se valendo de processos tecnológicos limpos.

 

Hoje em dia, existem vários exemplos de produtos considerados ecológicos, e alguns deles são:

  • Equipamentos energeticamente eficientes;
  • Alimentos orgânicos;
  • Tijolo de solo-cimento;
  • Roupas de algodão orgânico;
  • Biogás;
  • Cosméticos não testados em animais;
  • Combustível vegetal;
  • Produtos de limpeza biológicos;
  • Telhas recicladas;
  • Inseticida biológico.

 

A lista é muito mais extensa, mas o que é importante entender, é que estes e outros produtos não agridem o meio ambiente e fazem toda a diferença para a marca.

 

Como os produtos ecológicos valorizam a empresa?

A produção de soluções ecológicas ajuda a valorizar a marca, uma vez que empresas desse tipo atraem mais consumidores.

 

Hoje em dia, as pessoas estão atentas ao que as organizações fazem e de que maneira suas atividades podem impactar o planeta, observando os impactos positivos e negativos.

 

Se o consumidor perceber que uma empresa de plano de manutenção preventiva ar condicionado se preocupa com o meio ambiente, se sente mais atraído por ela e tende a escolhê-la na hora da compra.

 

Trata-se de um posicionamento importante para o negócio, e em médio e longo prazo, fará muita diferença na preservação do planeta.

 

Outra forma de valorização é que os produtos ecológicos possuem preço competitivo, pois eles exigem menos uso de recursos naturais não renováveis, o que melhora o preço em comparação a outras formas de produção.

 

As empresas sustentáveis têm mais expectativas de crescimento, algo muito valioso, visto que todo o negócio deseja crescer continuamente. Mas, para conseguir isso, é necessário fazer investimentos que contribuam com esse propósito.

 

Levando em conta as tendências do mercado, o comportamento do consumidor moderno e os recursos tecnológicos, qualquer empresa que investe em produtos ecológicos se destaca perante os concorrentes.

 

O investimento em estrutura e tecnologia para uma produção mais consciente traz excelentes retornos, principalmente por conta da economia de recursos, como água e energia elétrica.

 

Por conta do posicionamento sustentável, o uso desse tipo de recurso acaba sendo menor, pois é necessário desenvolver métodos que possibilitam a produção sem causar impactos ao meio ambiente.

 

Ao fazer isso, uma empresa de instalação cerca elétrica rural traz grandes benefícios para a natureza, além de evitar o uso descontrolado dos recursos, o que traz mais economia.

 

Ao economizar com a produção, o custo do produto também será menor, o que facilita a negociação com pessoas que os compram para revender.

 

Empresas ecológicas possuem diferencial competitivo em relação aos negócios que não adotam essa prática. Ela desenvolve um potencial mais forte e passa a ser bem-vista entre os consumidores e seus concorrentes.

 

Muitas se tornam exemplos para outras organizações, dentro e fora de seu segmento, além de que há uma grande melhora nas estratégias de marketing e comunicação.

 

Empresas que fabricam produtos ecológicos devem investir em marketing para promover a preservação ambiental e, consequentemente, suas estratégias geram autoridade para a marca.

 

Com isso, um fabricante de ribbon resina 110×450 influencia as pessoas sobre a importância dos cuidados com todo tipo de vida na Terra e aumenta a sua eficiência na hora de desenvolver ações.

 

Para fortalecer ainda mais a marca, é fundamental fazer parcerias com fornecedores que também se comportam dessa maneira e têm esse tipo de pensamento. Contudo, existem outras práticas muito importantes nesse processo.

 

Como iniciar essa prática?

Existem algumas ações que precisam ser adotadas para trabalhar produtos ecológicos, pois por meio da sustentabilidade, é possível agregar valor à marca. Algumas das principais práticas são:

 

1 – Ser sustentável fora da produção

A sustentabilidade deve estar presente na produção, mas deve ser levada adiante, ou seja, durante o trabalho dos colaboradores, na compra de materiais, transporte dos pedidos, escolha de fornecedores, entre outros.

 

A empresa precisa mergulhar de cabeça nesta questão e apoiar seus clientes a adotarem a mesma linha de pensamento.

 

Como exemplo, um fabricante de cerca elétrica 6 fios pode distribuir copos reutilizáveis para seus colaboradores e abolir o uso de copos descartáveis em casa. Outra opção é contratar uma transportadora que não utilize combustíveis poluentes.

 

Essas e outras estratégias mostram que o negócio é sustentável e ele passa a servir como exemplo para outros empreendimentos.

 

2 – Investir em processos transparentes

Uma empresa verdadeiramente ecológica se preocupa com os impactos sociais de suas atividades. Nesse contexto, deve investir em processos transparentes perante o público, para mostrar o que é feito em sua cadeia produtiva.

 

Quando os consumidores compreendem o modo como as coisas são feitas dentro de uma empresa, desenvolvem empatia, confiança e entendem os valores de seus produtos e serviços.

 

Em longo prazo, processos transparentes aumentam as taxas de fidelização de clientes e conquistam consumidores com mais facilidade.

 

3 – Gerenciar os resíduos

O gerenciamento de resíduos vai muito além da instalação de lixeiras para o descarte de materiais reciclados, na verdade, isso é apenas a ponta do iceberg.

 

Um fabricante de bateria de 150 amperes para caminhão deve criar um gerenciamento de resíduos dentro da organização, que seja realmente eficiente e efetivo.

 

É necessário separar o lixo, de acordo com seus tipos, fazer parcerias com cooperativas de reciclagem para o recolhimento dos materiais e criar campanhas para reduzir o uso de embalagens descartáveis.

 

4 – Reduzir o consumo de materiais descartáveis

Como mencionamos anteriormente, é essencial dizer que uma empresa realmente sustentável e que investe em produtos ecológicos, precisa adotar a sustentabilidade no cotidiano.

 

É necessário sustentar práticas voltadas para o uso consciente, indo além da redução de papel dentro dos escritórios.

 

Logo, uma empresa de limpeza de calhas e telhados deve reduzir o consumo de materiais voltados à alimentação e aos serviços de limpeza, como no caso dos descartáveis.

 

Para resolver esta questão, pode adquirir pratos e copos reutilizáveis para o dia a dia ou incentivar os colaboradores a trazerem seus próprios utensílios de cozinha.

 

Para a limpeza do estabelecimento, a companhia pode investir em equipamentos e materiais como secadores de mão, lata de lixo retornável, ao invés de toalhas de papel e sacos plásticos.

 

5 – Conscientizar os colaboradores

Todas as iniciativas para implementar produtos ecológicos só vão fazer sentido se os colaboradores estiverem cientes da importância das práticas sustentáveis, pois este deve ser o objetivo de todos os envolvidos.

 

Assim, uma empresa de polimento de piso industrial deve implementar políticas de conscientização, de modo a mostrar para os funcionários o quanto a sustentabilidade é importante e necessária.

 

É preciso criar campanhas para os empregados, oferecer cursos de curta duração, palestras, parcerias com organizações focadas na preservação ambiental, entre outras possibilidades.

 

Considerações finais

Os produtos ecológicos fazem toda a diferença para a imagem da marca, pois ela se posiciona como uma empresa consciente e preocupada com as questões ambientais.

 

Só que além de valorizar a organização, eles são fundamentais para preservar o meio ambiente, trazer mais qualidade de vida para as pessoas e proteger os recursos naturais para as próximas gerações.

 

Existem várias maneiras de alcançar esse tipo de solução, mas o mais importante é implementar uma cultura sustentável para que tudo aconteça.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

cinco × um =