Sistema de vendas: O que você precisa saber antes de escolher?

Visando aumentar o potencial das operações por parte das empresas, um número cada vez maior delas passou a adotar o sistema de vendas, que permite o gerenciamento de contatos, acompanhamento das estratégias e diversos outros benefícios.

 

Já é de conhecimento geral que o crescimento das tecnologias e a internet impactaram fortemente o mercado e todas as empresas inseridas nele. Por isso, muitos negócios apoiaram a transformação digital, abrindo espaço para possibilidades de desenvolvimento.

 

Dessa forma, com a aplicação de recursos tecnológicos ao dia a dia da empresa, ela consegue estabelecer maior controle sobre seus projetos e suas etapas de produção, desde a organização, a criação até a venda e prospecção de clientes.

 

Por exemplo, uma empresa que cria fachada para loja pode, por meio da internet, utilizar computadores como base para os rascunhos dos trabalhos, organizar as tarefas de cada um deles e fazer um estudo de seu público, o que é muito mais prático que o habitual.

 

O ponto mais importante de todo esse processo de implementação, entretanto, é garantir que as ferramentas utilizadas sejam de qualidade, sejam eles softwares especializados para a segmentação de público ou automatização do envio de mensagens.

 

Nesse contexto, surge o recurso do sistema de vendas, tornando-se muito eficiente nas estratégias e auxiliando com o trabalho com maior eficiência. Contudo, é fundamental ressaltar que ele precisa ser bem implementado para impactar positivamente.

 

Primeiramente, entender o que significa esse mecanismo é primordial. Um sistema de vendas se refere a uma ferramenta que visa prover auxílio ao time de vendedores de uma marca durante todas as etapas comerciais.

 

Desde o início, ele ajuda a contribuir com o armazenamento e gerenciamento de clientes em potencial, isto é, contatos que deixaram interesse em fechar um negócio, podendo ser em qualquer momento da trajetória de venda.

 

O ponto principal dessa ferramenta é que, quando ele centraliza as informações dos clientes que têm maiores chances de comprar daquela empresa, acesso a esses contatos por toda a equipe envolvida é possibilitado.

 

Como consequência, há uma otimização de todo o processo, criando um foco no atendimento de qualidade, o que vem aumentando a importância consideravelmente na visão dos consumidores, podendo ser decisiva para a compra.

 

Entretanto, fora o canal para comunicação, outras áreas são facilitadas pela implementação de um sistema de vendas. Ele ajuda demasiadamente durante o planejamento e a execução das atividades responsáveis.

 

Isso acontece porque há acesso livre a todos os prazos por parte de qualquer colaborador ou gestor, aparecendo em forma de um calendário.

 

Além disso, ele permite uma concentração e armazenamento das mensagens enviadas, sejam elas internamente ou direcionadas aos clientes e leads. Assim, o resgate de e-mail com dados importantes e o processamento de dados é facilitado.

 

Outra função essencial desse recurso é que ele garante uma análise automática das informações relacionadas ao negócio, o que favorece na aplicação e criação de projetos e campanhas futuras.

 

Por exemplo, uma empresa de roupas percebe, através da análise de características de seus clientes, que a maior parte do seu público é de crianças e gosta de se exercitar. Dessa forma, ela cria um agasalho esportivo infantil.

 

Ou seja, ela consegue adaptar tudo o que será lançado para alcançar cada vez mais os seus objetivos, direcionando as estratégias e diminuindo os gastos, e ainda agradar os seus clientes, visto que entrega exatamente aquilo que é de interesse do público. 

 

Dessa maneira, a companhia é capaz de tomar decisões mais assertivas e baseadas naquilo com o que seu público objetiva no momento, o que, como consequência, aumenta a sua taxa de sucesso.

 

Outrossim, a equipe como um todo consegue acessar informações para criar melhores estratégias de atração e nutrição, servindo como uma forma de atrair e qualificar um maior número de clientes interessados.

 

O que considerar na escolha de um sistema de vendas?

É essencial adotar um sistema de vendas que consiga atender a todos os desejos da empresa, impedindo que os investimentos se tornem ineficientes.

 

Por esse motivo, a seguir, serão apresentadas algumas informações essenciais para serem analisadas no momento de escolha do sistema:

 

1 – Acessibilidade remota

O primeiro ponto de análise é se o sistema possui acesso remoto, ou seja, tem a capacidade ser acessado por uma rede ou outro aparelho, visualizando arquivos e todos os programas e funcionalidades à distância.

 

Esse é um ponto diferencial, uma vez que os gestores e colaboradores precisam entrar e acessar de diversos pontos, sem que haja a necessidade de estar na empresa, em sua mesa, visualizando o computador presencialmente.

 

Para as empresas, os colaboradores responsáveis pela área de vendas precisam de diversas equipes agindo separadamente, muitas vezes em contato com clientes em diferentes localizações.

 

Sendo assim, é preciso manter contato sobre tudo o que já fizeram, o que falta fazer e como está o desempenho do processo de cada lugar, conectando todas as estratégias e ambientes em que ela atua.

 

Portanto, se o sistema não permitir o acesso de qualquer localização que tenha acesso à internet, ele dificulta a comunicação geral e a organização, perdendo o seu efeito como um sistema de vendas.

 

Assim, para uma empresa com diversas sedes de venda de carrinho supermercado em diferentes lugares, é importante que ela consiga organizar todos os contatos de cada lugar, sabendo quais já foram contatados e quais ainda faltam.

 

Para isso, serve o sistema de vendas no modelo remoto, garantindo um total controle sobre todas as atividades e possibilitando que os colaboradores possam acessá-lo, não importando seu local naquele momento.

 

2 – Permissão de relatórios

Outro ponto que não pode faltar em um sistema de vendas é a permissão para imprimir relatórios sobre as campanhas. O papel ainda é muito importante para a organização física de todas as informações.

 

Isso acontece porque é preciso distribuir um material demonstrativo para os participantes em uma reunião de vendas, desde os momentos do próprio encontro até para facilitar o trabalho posterior que precisará se basear nessas informações.

 

Ou seja, durante uma reunião com os funcionários novos na área de vendas, é fundamental que a empresa crie um folder de apresentação, demonstrando todo o desempenho dela nos últimos tempos e deixando-os atualizados sobre os dados dela.

 

Portanto, não só gerar relatórios, ele deve também disponibilizar a impressão, permitindo a filtração dos dados a serem impressos de acordo com a localização de cada região, os produtos e os contatos envolvidos nesse processo.

 

3 – Possibilita integração

Possibilitar a integração com outros recursos é um fator mais claro, uma vez que esse é o objetivo principal do sistema de vendas: integrar a empresa e seus projetos.

 

Desse modo, integrar diversos recursos e ferramentas se torna uma oportunidade essencial para otimizar a operação do projeto em geral. Eles são fundamentais para aumentar o controle em diferentes pontos.

 

Assim, uma loja de roupas que vende grande quantidade de camiseta personalizada para aniversário precisa controlar o número de produtos disponíveis para não ficar em falta e prejudicar as vendas, sendo realizado por um software de gestão.

 

Dessa forma, é imprescindível que o sistema de vendas permita a integração entre essas ferramentas, permitindo o uso completo, dialogando diretamente entre toda a operação e realizando atualizações automáticas.

 

4 – Cadastro de clientes eficiente

Por fim, um último ponto essencial é garantir o cadastro de clientes de maneira centralizada, permitindo que ele opere com agilidade e eficiência. Para isso, é necessário que os contatos fiquem centralizados em um único ambiente e banco de dados.

 

Ademais, eles precisam ser de fácil acesso e possibilitar um alcance imediato por parte de todos os vendedores e gestores. O sistema também deve atualizar as informações sobre os seus clientes de forma remota.

 

Por exemplo, uma empresa que cria uma fachada de loja infantil precisa manter seus contatos em um único local. Com isso, os funcionários não irão repetir as abordagens de clientes, evitando causar desconfortos.

 

Vantagens do sistema de vendas

Em geral, o mecanismo de sistema de vendas pode ser um recurso muito benéfico para a empresa. Além de otimizar o tempo dos times internos, uma vez que possibilita um maior controle sobre cada processo, algumas das principais vantagens são:

  • Aumento da conversão de potenciais em clientes;
  • Potencialização dos resultados;
  • Direcionamento das estratégias de venda;
  • Análise e acompanhamento do desempenho.

 

Sendo assim, uma empresa que vende caixa de papelão pequena e grande tem capacidade para se desenvolver muito mais facilmente, uma vez que aumenta o número de compradores e sua produtividade, produzindo mais em menos tempo.

 

Considerações finais

O sistema de vendas auxilia em todo o processo e trabalho do setor de vendas de uma organização, garantindo seu crescimento e desenvolvimento.

 

Isso devido ao fato de que qualquer marca consegue ter acesso a esse recurso, seja ela uma fabricante de adesivo transparente personalizado ou uma marca de roupas, contanto que tal recurso seja implementado da maneira correta e eficiente.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 1 =