Veja as diferenças entre as ferramentas de CRM e automação de marketing!

Existem as mais diversas estratégias para que uma empresa conquiste o mercado e o seu público-alvo de modo permanente, sendo que duas delas são o CRM (Customer Relationship Management) e a automação de marketing.

 

Embora inicialmente pareça que são duas ferramentas com funções semelhantes, por estarem ligadas à empresa e ao cliente pelo contexto de marketing, ambas possuem certas distinções que se devem levar em conta na hora de obter.

 

Veja as diferenças entre as ferramentas de CRM e automação de marketing!

 

Uma podendo se adaptar melhor do que a outra dependendo do modelo de negócio da qual será investida ou então dos novos reajustes no quadro de gestão de uma organização.

 

Tudo depende de onde a empresa deseja chegar e qual público-alvo que almeja atingir.

 

O modelo de programa CRM

Esse modelo de software também pode ser conhecido popularmente pelo nome de Gestão de Relacionamento com o Cliente.

 

Sua principal função é ser uma tecnologia que colabore na interação e no suporte ao cliente quando ele mais precisar.

 

Assim como permitir canais de comunicação de forma prática, segura e rápida entre empresa e consumidor.

 

E por ter um foco totalmente nos compradores, o programa guarda todas as informações que são adquiridas em um formato estilo de pasta catalogo personalizada para cada um deles.

 

O que possibilita entender melhor os gostos e potenciais de vendas que os mais antigos podem realizar novamente por meio do histórico que se é armazenado.

 

Essas pastas podem conter informações também de quais são os clientes compram mais, onde investem mais ou onde investem menos, a movimentação nos últimos meses, e assim, sucessivamente para que se possa montar uma estrutura.

 

Da mesma forma em que pode-se mostrar como deve ser realizada a captação dos novos consumidores de acordo com os seus gostos ou desejos.

 

E não é somente organizações de grande porte como multinacionais que podem recorrer ao uso dessa tecnologia.

 

Startups e pequenas empresas, tal como exemplo, uma fábrica de camisetas, também podem investir nessa empreitada.

 

A praticidade de todo o processo que o modelo CRM tem, permite que não se perca tempo criando e organizando inúmeras planilhas, processamentos que possam atrasar ou atrapalhar as vendas e por sua vez, ocasiona na perda dos lucros.

 

Além do fato de possuir a praticidade de gerar uma atualização de dados que pode ser feita de modo automático, para qualquer funcionário que necessite acessar algum arquivo.

 

Portanto, com a aquisição deste software CRM, uma empresa pode ter:

  • Inovação de dados feitos de modo instantâneo;
  • Armazenamentos de informações importantes;
  • Segurança para os clientes;
  • Atendimento qualificado.

 

Um detalhe importante é que dentro do estilo de gestão do CRM, existem duas possibilidades de modelos que podem ser escolhidas para serem trabalhadas: na nuvem ou em um computador específico.

 

O CRM na nuvem é o modo mais atualizado e prático para se utilizar esse software, já que pode ser acessado de qualquer dispositivo que esteja conectado na internet em qualquer período do dia, desde uma sala de reunião moderna, ou em um movimentado café.

 

E até mesmo em modo de trabalho em home office, caso o serviço precise ser levado para casa.

 

O modelo na nuvem também tem como característica a não necessidade de precisar ser configurado, e nem de ter a manutenção feita regularmente por um especialista em TI.

 

O que diminui ainda mais os gastos com esse método de programa, incluindo que o fato de sua aquisição ser algo bem mais econômico.

 

Já na instalação de um CRM em um computador específico, há uma necessidade de ter um servidor para dar suporte ao programa e requer um especialista em TI para organizar as configurações.

 

Assim como, para fazer atualizações nos períodos necessários, o que pode deixar seu negócio um pouco restrito se ele ainda está no começo, pois o investimento financeiro de manter tudo em um só computador é maior.

 

Como funciona o sistema da automação de marketing

Os processos de etapas de marketing vão desde divulgações em balcão promocional em alguns eventos como feiras ou nas ruas até mesmo nos posts fixos ou temporários em redes sociais.

 

E tudo isso feito por uma ferramenta para ajudar a entender a necessidade de um cliente até a conclusão da venda e a geração de fidelidade a determinada marca.

 

Como em todo processo de criação de marketing, tudo tem o início por um processo chamado de funil de vendas, que constitui em etapas como:

  • Atrair a atenção do cliente;
  • Despertar o interesse para compra;
  • Aguçar o desejo de consumo;
  • Adquirir o produto;
  • Tornar-se fiel à marca.

 

Tomando como exemplo, se uma determinada empresa de arquitetura e reforma planeja criar uma nova campanha.

 

Para atrair clientes ou despertar os desejos de comprar os serviços que proporciona, ela pode recorrer ao modo de automação de marketing neste caso.

 

A automação de marketing é feita por programas que utilizam, através de canais digitais como anúncio em redes sociais ou propagandas pelo email, por exemplo, foco para criação de estratégias de marketing das suas futuras campanhas.

 

Mas, não de uma maneira objetiva como é o tradicional, e sim, de modo personalizado que possa englobar todos os clientes que se planejam conquistar ou manter a análise constante.

 

Para que, aos poucos, o desejo no consumidor seja despertado e ele possa adquirir em algum momento.

 

Embora deva haver a ciência de que muitas compras podem ser vistas de maneiras não tão imediatas, pois fatores como a falta de interesse momentânea ou a renda apertada podem ser um empecilho.

 

Deste modo, uma empresa não deve descartar as possibilidades futuras de venda, mantendo sempre a ciência disso quando houver reuniões com alguma consultoria contábil.

 

As divergências e benefícios dos dois softwares

Se por um lado a automação de marketing é focado apenas em segmentos deste ramo, do outro, o modelo de ferramenta CRM pode ser adquirido por diversos tipos de negócios que atuam em vendas e atendimento ao consumidor.

 

Ambas as ferramentas auxiliam na melhoria de suas empresas conforme vão sendo utilizadas, e por gerarem um certo nível de assistência para as equipes, as certezas de que o negócio pode prosperar são consideráveis.

 

Em outras palavras, pode-se dizer que vale a pena o investimento em pelo menos uma delas.

 

Pode-se usar as duas tecnologias no mesmo negócio?

Quando se discute sobre quais tecnologias podem ser adquiridas para auxiliar ou atrapalhar o seu negócio, o CRM e automação de marketing são bons exemplos dessa ideia de possível ligação.

 

Portanto, pode-se pensar nos dois programas como escritórios compartilhados que dividirão o mesmo edifício, e que mesmo estando em um só lugar, trabalham em áreas diferentes que se coligam para um único funcionamento.

 

O que pode ser benéfico por um lado quando o CRM capta mais as intenções, porém, pode conter armadilhas do outro com o excesso de informações mandadas e acabar atrapalhando quem menos se deseja: o cliente.

 

As probabilidades de conflitos que podem ser gerados com a execução de ambos os programas não devem ser descartadas, pois o processamento deles de forma simultânea pedem uma rede de internet com uma boa velocidade.

 

Com isso, crie uma análise minuciosa de como eles funcionam na empresa com todos os prós e contras desde o orçamento necessário até o modo operacional de uma equipe.

 

Se necessário e houver a possibilidade, estabeleça etapas de testes entre os funcionários para verem como será o funcionamento na prática.

 

Comece com pequenos processos e análises de dados ou de clientes a serem operados antes de total adequação no sistema.

 

Minha empresa precisa ter essas ferramentas?

Não é algo obrigatório que se obtenha essas tecnologias no seu modelo de negócio, todavia, elas podem simplificar muitos processos que demoravam dias, ou meses, para serem captados pela empresa.

 

Podemos imaginá-las como espécies de atalhos disponíveis que podem levar a empresa ainda mais adiante e fortificá-la ainda mais no mercado que ela se encontra.

 

Somando-se ao fato de que com essas ferramentas, a equipe pode se focar em outros assuntos que não foram debatidos ainda enquanto os softwares fazem atualizações.

 

Considerações finais

Resumindo, é inegável que tanto a ferramenta de automação de marketing quanto o software de CRM geram grandes impactos na indústria e nos lucros das empresas quando são utilizados.

 

Permitindo que o cliente seja agradado da forma que deseja ou auxiliado quando mais se precisa, de forma que sua fidelidade fique ainda mais sólida.

 

E com isso, faça uma busca e faça planos que expandem ainda mais o seu negócio ao ponto que desperte o desejo de sonho de consumo entre diversos consumidores.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

20 comentários em “Veja as diferenças entre as ferramentas de CRM e automação de marketing!”

  1. Pingback: Smarketing: melhore a integração marketing e vendas da empresa - Agência7 Soluções WEB

  2. Pingback: Leadlovers vale a pena? Como funciona? É bom? Descubra como vender no automático com a leadlovers. - Leadlovers Máquina de Leads

  3. Pingback: Como aplicar o funil de vendas para o seu pequeno negócio? - Agência7 Soluções WEB

  4. Pingback: Estratégias para fazer uma imobiliária crescer no digital! - Agência7 Soluções WEB

  5. Pingback: Leadlovers vale a pena em 2023? Veja como funciona!!! - Leadlovers Máquina de Leads

  6. Pingback: Leadlovers como funciona? Descubra se a leadlovers vale a pena (por dentro da plataforma) - Leadlovers Máquina de Leads

  7. Pingback: Aprenda a usar o Whatsapp na leadlovers - Leadlovers Máquina de Leads

  8. Pingback: Automação de Whatsapp: Coloque Seu Negócio Rodar no Automático - Leadlovers Máquina de Leads

  9. Pingback: LEADLOVERS, a melhor plataforma online de automação de marketing para negócios [Review] - Leadlovers Máquina de Leads

  10. Pingback: [leadlovers na prática] O que é a máquina Whatsapp? - Leadlovers Máquina de Leads

  11. Pingback: Tutorial ChatGPT - Curso grátis completo para iniciantes - Leadlovers Máquina de Leads

  12. Pingback: Construindo um funil de vendas eficaz no WhatsApp com Leadlovers - Leadlovers Máquina de Leads

  13. Pingback: Aprenda a fazer dinheiro com o ChatGPT | Rápido e Fácil - Leadlovers Máquina de Leads

  14. Pingback: Lead Lovers tutorial 2021 - E-mail Marketing Passo a passo - Leadlovers Máquina de Leads

  15. Pingback: ChatGPT - Como usar essa tecnologia revolucionária? - Leadlovers Máquina de Leads

  16. Pingback: Curso de Fluent CRM - Diferença entre Lead Lovers, RD Station, Mailchimp e Activecampaign - Leadlovers Máquina de Leads

  17. Pingback: 2 formas fáceis de como ganhar seguidores no Instagram - Leadlovers Máquina de Leads

  18. Pingback: Como gerar leads no Instagram: 5 melhores estratégias para aumentar as conversões - Leadlovers Máquina de Leads

  19. Pingback: Faça dez mil por mês como afiliado | Começando do zero com método que funciona - Leadlovers Máquina de Leads

  20. Pingback: Doppus: nova plataforma para ganhar dinheiro - Leadlovers Máquina de Leads

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito − 5 =