Quais vão ser as tendências de marketing de conteúdo visual para 2022?

O conteúdo visual é considerado um fator importante para chamar a atenção do público, mas as empresas dos mais variados setores estão investindo nessa estratégia.

 

Para se destacar em meio aos concorrentes, seu negócio precisa estar atento às tendências de marketing de conteúdo visual. Adaptar-se a elas é a melhor forma de atrair novos clientes.

 

Nos últimos anos, o marketing digital trouxe novas maneiras de divulgar marcas, produtos e serviços. Por conta disso, além de fazer anúncios em plataformas como o Facebook e publicar semanalmente em um blog, é necessário inovar.

 

As empresas devem investir em maneiras diferentes de atrair o consumidor e estimular o desejo de compra. Também precisam agregar valor aos conteúdos que oferecem e eliminar as chances de seus concorrentes.

 

Quais vão ser as tendências de marketing de conteúdo visual para 2022?

 

O marketing visual, sem dúvidas, é a melhor maneira de fazer isso, e ele está cada vez mais forte porque oferece ferramentas para criar conteúdos empolgantes para o público.

 

Para ajudar os negócios a trabalhar o marketing de conteúdo visual, neste artigo, vamos mostrar as principais tendências, a importância de estar atento a elas e como a comunicação visual impacta o planejamento de marketing e vendas ao longo do ano.

 

Importância de se atentar às tendências de conteúdo visual

Antever as tendências de marketing de conteúdo visual ajuda uma marca a criar estratégias de marketing mais eficientes.

 

A principal dificuldade entre as empresas é enxergar possibilidades de mudança, mas hoje, mais do que nunca, é fundamental ter uma boa gestão de mudanças para construir vantagem competitiva.

 

Ao cuidar do quadro de gestão de estratégias de marketing, a companhia consegue prever novos comportamentos e tendências, desenvolver melhor seus produtos e trabalhar em boas campanhas.

 

Existe uma frase muito famosa de Steve Jobs que diz que a inovação distingue um líder de um seguidor. Portanto, uma companhia que percebe as tendências antes de seus concorrentes, se torna pioneira.

 

Não é de hoje que os consumidores preferem os conteúdos visuais, e a inovação nesse sentido é a melhor maneira de atender às necessidades e desejos dos clientes.

 

É necessário começar o quanto antes porque mudanças efetivas não acontecem da noite para o dia, assim sendo, quando o negócio detecta uma tendência, precisa se preparar para colocá-la em prática.

 

Os impactos da comunicação visual em vendas e marketing

Não é possível falar de marketing de conteúdo visual sem mencionar a comunicação visual em si. Ao longo do ano, ela gera vários impactos no planejamento de marketing e vendas do negócio.

 

Por exemplo, ao criar campanhas para impressão em papel transfer, uma marca não pode deixar de incluir suas estratégias de comunicação visual se quiser despertar a atenção dos consumidores.

 

Isso porque ela funciona como o primeiro passo para atrair o consumidor, fazendo com que ele se lembre de que necessita de seu produto.

 

De acordo com uma pesquisa realizada sobre a jornada de compra do cliente, quando o consumidor sabe o que precisa comprar, costuma procurar pontos de vendas.

 

Nesse ambiente, saber chamar a atenção das pessoas é uma forma de instigar sua curiosidade e conquistar a preferência. Em outras palavras, um bom trabalho em comunicação visual vai impactar a venda durante todo o ano.

 

Isso também é importante quando a marca deseja divulgar novos produtos, visto que a divulgação de lançamentos está diretamente relacionada ao marketing digital e às estratégias offline apresentadas para o público.

 

Por fim, durante todo o ano, a comunicação visual é essencial para estabelecer um relacionamento entre a companhia e os consumidores.

 

Sabemos que os pontos de vendas têm uma função importante para demonstrar a marca e apresentar suas soluções aos clientes.

 

Contudo, o interesse de uma pessoa pode ser classificado pelo primeiro contato que ela tem como fabricante, se estendendo até o atendimento ao cliente e suporte.

 

Quando uma imobiliária especializada em aluguel de escritórios acompanha as tendências de marketing de conteúdo visual e trabalha esse tipo de comunicação, é capaz de intensificar o relacionamento com o consumidor ao longo do ano.

 

No final das contas, isso pode influenciar de maneira positiva em todo o planejamento de marketing e vendas. O primeiro passo para isso é saber quais são as tendências de marketing de conteúdo visual.

 

Tendências de marketing de conteúdo visual

Durante todo o ano de 2022, algumas estratégias de marketing de conteúdo visual estarão em alta, e dentre as que mais se destacam estão:

 

1 – Criação de conteúdos autênticos

A maioria dos consumidores não confia totalmente na publicidade e na mídia nos dias atuais, e isso se deve ao bombardeio de propagandas no mercado, que dificulta a decisão na hora da compra.

 

Mas se ao instalar uma boa fachada de loja feminina o estabelecimento investe na criação de conteúdos autênticos, consegue fugir do óbvio e superar as expectativas do público.

 

As pessoas não querem apenas visualizar repetidamente imagens provenientes de bancos de dados, como se estivessem lendo uma revista.

 

Em outras palavras, o consumidor quer imagens reais e honestas, que mostrem pessoas como eles fazendo coisas verdadeiras.

 

Fotos com sorrisos espontâneos, almoços em família ou até mesmo de profissionais trabalhando podem ser atraentes, mas é necessário ir além e investir em uma campanha que estimule o compartilhamento da imagem.

 

O uso de imagens que remetem à realidade cria uma identificação real entre os clientes e as empresas, e quando eles compartilham esse sentimento, a marca conquista mais disposição.

 

2 – Listas como gráficos

Outra tendência que merece destaque no ano de 2022 é o uso de listas como gráficos. Por meio delas, uma empresa de consultoria tributaria poderá segmentar informações importantes de maneira mais atrativa do ponto de vista visual.

 

É uma forma de facilitar a compreensão do conteúdo para o público e estimular o compartilhamento nas redes sociais.

 

Para entender um pouco mais como isso funciona, primeiro é necessário compreender que a mente humana é uma verdadeira ferramenta visual. Ou seja, percebemos muito mais rápido uma imagem ou gráfico do que um texto.

 

Isso significa que as pessoas conseguem consumir dados com uma velocidade maior do que quando precisam ler um parágrafo ou uma lista de tópicos. Sem falar no fato de que listas gráficas ou infográficos conseguem melhorar o contexto do conteúdo.

 

Um exemplo disso é um gráfico ou dados adicionados a uma lista que facilita o entendimento visual e permite que o consumidor entenda o objetivo da mensagem e o contexto do conteúdo.

 

Para aumentar a eficiência dessa estratégia, uma imobiliária especializada em sala comercial para alugar por hora pode adicionar imagens de plano de fundo, além de outros ícones que destacam o material publicado.

 

Muitas pessoas gostam desses detalhes, uma vez que eles ajudam a quebrar grandes blocos de informações em partes menores e fáceis de compreender.

 

3 – Vida ecológica e vida saudável

Outra forte tendência do marketing de conteúdo visual está no contexto do conteúdo, visto que as pessoas estão mais interessadas em assuntos relacionados a estilos de vida saudáveis e vida sustentável.

 

De modo geral, o público está interessado no que pode fazer para melhorar o meio ambiente, aumentar o bem-estar, trazer mais qualidade de vida para a família, dentre outros assuntos.

 

Negócios dos mais variados setores, como imobiliárias especializadas em aluguel de endereço comercial, precisam abordar esses temas e incluí-los ao máximo em suas publicações, mas desde que eles façam sentido.

 

Nesse mesmo segmento, as organizações também podem organizar estratégias para divulgar suas ações sociais, como:

  • Arrecadações para instituições;
  • Colaborações em causas sociais;
  • Responsabilidade com o meio ambiente;
  • Cuidados com a saúde dos colaboradores.

 

Todos esses temas podem criar uma identificação com a realidade do público, fazendo com que eles se conectem com a empresa, e não podemos nos esquecer de que as pessoas dão preferência para negócios que se importam.

 

4 – Recursos visuais para o Google Imagens

Não é de hoje que o SEO vem sendo utilizado por organizações dos mais variados setores, para falar sobre assuntos de todo tipo, como dicas para construir uma fachada de loja infantil, culinária, viagens, finanças e assim por diante.

 

Mas ele foi além e, nos dias de hoje, trabalha para que as imagens também possam ser otimizadas. O Google mostra uma lista daquilo que corresponde visualmente a uma pesquisa realizada.

 

Por essa razão, uma das maiores tendências é adicionar logotipos da marca e outras informações que ajudem a identificar a empresa, nas imagens que ela publica.

 

O motivo é muito simples, pois se alguém encontrar uma imagem aleatória do negócio ao realizar uma pesquisa, passa a enxergar a empresa de maneira mais confiante. Além disso, a companhia transmite uma imagem mais profissional.

 

Conclusão

Existe uma série de outras tendências do marketing de conteúdo visual para 2022, mas, sem dúvidas, essas são as que mais se destacam.

 

Colocá-las em prática é uma maneira de destacar o seu negócio, se conectar com os seus clientes e atrair novas oportunidades.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

1 comentário em “Quais vão ser as tendências de marketing de conteúdo visual para 2022?”

  1. Pingback: Cocriação no Marketing Digital: Gera mesmo melhores resultados? - Agência7 Soluções WEB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6 + três =