Browse By

Internet Das Coisas e Marketing Digital: Possibilidades e Desafios

O Marketing Digital se destaca atualmente como a forma mais moderna de promover produtos e atingir um público-alvo, mas ainda pode evoluir muito com a utilização da Internet das Coisas.

 

A tecnologia promete conectar diversos dispositivos à internet, possibilitando grandes avanços em termos de informação. O acesso a uma grande quantidade de dados pode revolucionar a forma como o marketing é realizado atualmente.

 

Isso porque o maior bem de qualquer estratégia de marketing é o conhecimento sobre as preferências, hábitos e necessidades do público. Somente as informações possibilitam uma compreensão sobre o mercado de atuação em que as empresas se inserem, o que é fundamental para o sucesso de qualquer negócio.

 

Internet Das Coisas e Marketing Digital: Possibilidades e Desafios

 

Muitos empreendimentos já aderiram à Internet das Coisas e, com isso, conseguem entender melhor o comportamento e hábitos de consumo dos consumidores.

 

Contudo, por se tratar de uma novidade, é comum que os empreendedores não entendam o impacto que pode ser gerado nos negócios com essa nova tecnologia. Além disso, vivemos em um período de transição em que pode ser difícil entender o que vem a seguir.

 

Entretanto, é certo que a tecnologia da Internet das Coisas pode agregar valor aos negócios, representando diversas possibilidades para o Marketing Digital e crescimento para empreendimentos de diversos segmentos de atuação.

 

Qual é a Importância Da Internet Das Coisas Para Os Negócios?

A tecnologia da Internet das Coisas agrega valor aos negócios principalmente por conta da inteligência dos sistemas. A conexão dos dispositivos à internet pode dar uma utilidade maior a eles, adicionando funções capazes de surpreender e facilitar tarefas comuns do dia a dia.

 

O autogerenciamento é um exemplo de como a Internet das Coisas pode acrescentar mais funcionalidade e qualidade aos produtos. Os sistemas auto gerenciáveis incluem o monitoramento constante das próprias funções, o que facilita o diagnóstico e solução de possíveis falhas.

 

O resultado tende a ser maior vida útil para os equipamentos, já que ficará mais fácil saber da necessidade de manutenção de geradores a diesel, entre outros exemplos de equipamentos.

 

Quando uma empresa insere a Internet das Coisas em seus produtos, tende a oferecer uma experiência mais completa aos seus consumidores.

 

O relacionamento com os clientes também é melhorado, já que a tecnologia tem capacidade de informar a empresa sobre as necessidades reais e imediatas dos consumidores.

 

Isso é possível por meio do mapeamento do perfil dos usuários, com a geração de respostas que correspondem ao tipo de interação que eles têm com os produtos. Esse feedback contínuo facilita o estabelecimento de um vínculo mais profundo com os consumidores, evitando problemas como o oferecimento de anúncios aleatórios.

 

Possibilidades e Desafios Da Internet Das Coisas Para o Marketing Digital

Para enumerar nas possibilidades da Internet das Coisas para o Marketing Digital, basta pensar em um produto de uso contínuo, como é o caso de um shake pré treino, por exemplo.

 

Com a Internet das Coisas, a marca pode acompanhar toda a experiência do consumidor com o negócio. Assim, pode até avisar quando o produto estiver chegando ao fim. Quando a marca parece adivinhar o que o cliente precisa, ela não só impressiona mas também aumenta as chances de fidelização.

 

De uma maneira geral, pode-se dizer que o detalhamento de informações sobre os consumidores é a grande razão da importância da Internet das Coisas. Mas é preciso adaptar o modelo de negócio para esta transformação digital.

 

Portanto, como vantagens da tecnologia, é válido destacar a geração automática de dados, possível por meio da interação contínua com os consumidores, com análises de perfil atualizadas constantemente. Além disso, os feedbacks diretos possibilitam melhoria contínua nos serviços oferecidos em um hospital de cachorro, por exemplo.

 

A tendência é que Marketing Digital e Internet das Coisas estejam cada vez mais conectados, possibilitando soluções como:

  • Novos dispositivos digitais, como painéis em refrigeradores, por exemplo;
  • Marketing preditivo, antecipando necessidades dos consumidores;
  • Plataformas capazes de operar com grande quantidade de dados;
  • Agências desenvolvendo sistemas internos com Internet das Coisas;
  • Linguagem mais personalizada entre empresas e consumidores.

 

Por outro lado, a grande quantidade de dados que precisam ser analisados em tempo real para que isso se torne possível é um grande desafio para as empresas.

 

As informações demandam cuidados específicos, para garantir a privacidade e a segurança dos consumidores. Ademais, a empresa deve ter capacidade técnica e operacional para atender às exigências da tecnologia.

 

Como a Internet Das Coisas Irá Afetar o Marketing Digital?

Tudo indica que a Internet das Coisas irá ganhar cada vez mais espaço, inclusive modificando o funcionamento do Marketing Digital.

 

A conectividade entre os dispositivos, como eletrodomésticos ou uma máquina para contar dinheiro, por exemplo, promete revolucionar a forma como realizamos tarefas rotineiras. Paralelamente, o marketing também evolui, afetado pelas tecnologias, com as seguintes mudanças:

 

Maior Adesão Às Buscas Por Voz

Assistentes digitais, capazes de captar, interpretar e responder à voz humana, ganham cada vez mais adesão. As pesquisas por voz se popularizam, ao passo que os usuários vão deixando de lado os teclados.

Com isso, o esperado é que as buscas por palavras-chave dêem espaço à oralidade. Ao invés de consultar usando uma ou duas palavras selecionadas, como ocorre hoje em dia, a tendência é que os usuários passem a utilizar frases intrincadas, encontrando resultados mais certeiros.

 

Acessos Orgânicos Mudam De Perfil

Com o foco na oratória, tudo indica que também muda o perfil dos acessos orgânicos nos websites. Então, os profissionais do marketing devem otimizar os conteúdos para serem encontrados nas buscas via Internet das Coisas.

 

Isso é de extrema importância, porque os usuários irão utilizar a novas tecnologias cada vez mais, mesmo para funções cotidianas, como pesquisar uma assistência técnica de ar condicionado, por exemplo.

 

SERP Deve Mudar Ou Até Deixar De Existir

A tendência é que a SERP (Search Engine Results Page, ou Página de Resultados dos Mecanismos de Busca) como conhecemos deixe de existir com a popularização da Internet das Coisas. Isso deve ocorrer porque os principais mecanismos de buscas irão se adaptar às novas possibilidades de experiências online.

 

Talvez não seja mais necessário que os usuários busquem ou visitem websites específicos. Pesquisas sobre produtos de interesse, como um purificador de água com compressor, para exemplificar.

 

Otimização De Sites Com Novos Parâmetros

O principal buscador da atualidade deve continuar em destaque com a ascensão da Internet das Coisas, porque mostra que está em dia com as tendências do mercado. Contudo, é provável que a forma como as pessoas buscam conteúdos mude, valorizando novos formatos.

 

Nesse sentido, é fundamental que as equipes de marketing das empresas de diversos segmentos, atentem-se às novidades que podem surgir nos próximos anos. Assim, uma especializada em içamento de móveis, por exemplo, saberá como se adaptar às novas tecnologias, aproximando-se dos seus consumidores.

 

Leia também o nosso post Outbound Marketing Ainda é Uma Boa Estratégia Para Sua Empresa?

 

Mais Buscas Por Conteúdos Personalizados

Tudo indica que, cada vez mais, os usuários buscarão por conteúdos personalizados. Isso deve ocorrer tanto nas pesquisas quanto nas redes sociais. Hoje em dia as pessoas priorizam experiências mais individualizadas, ao invés de conteúdos produzidos em massa, mesmo quando buscam informações.

 

A Internet das Coisas deve aumentar ainda mais a importância da personalização dos conteúdos. Por meio de sistemas integrados, as empresas poderão coletar dados do histórico de buscas dos usuários, mapeando seus hábitos de consumo, preferências, necessidades e até informações sobre a rotina.

 

O potencial de personalização está na coleta deste grande volume de dados, que tem capacidade para afetar o SEO e o Marketing Digital, embora ainda seja cedo para calcular os efeitos da tecnologia.

 

Independente do segmento de atuação ou das dimensões dos negócios, é muito importante que os empreendedores se mantenham atualizados sobre as tendências do mercado.

 

É válido ressaltar que, por se tratar de uma tecnologia bastante nova, muitas mudanças podem ocorrer durante a sua popularização. Atualmente, pode-se dizer que vivemos um período de transição, em que a internet deve mudar o seu foco das relações interpessoais para relações entre coisas e pessoas.

 

Nesse cenário, a facilidade e riqueza de informações são os aspectos com poder para promover mais eficiência e segmentação nas estratégias de Marketing Digital.

 

A conclusão é que a Internet das Coisas possibilita uma conectividade que agrega mais valor estratégico ao marketing. As marcas de som automotivo interno, por exemplo, tendem a criar mais canais de comunicação com o público e, por sua vez, a audiência deve ficar cada vez mais exigente com relação aos conteúdos consumidos.

 

Contudo, atentar-se para as possibilidades e desafios que a Internet das Coisas proporciona pode significar um grande diferencial, principalmente para as empresas que se adaptarem mais rapidamente à essa nova realidade.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

One thought on “Internet Das Coisas e Marketing Digital: Possibilidades e Desafios”

  1. Augusto Viante says:

    Se tiver algum dúvida sobre como automatizar o marketing digital da sua empresa, não hesite. Entre em contato comigo através do email augusto@agencia7.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − 1 =

0